ESPORTE

Em jogo adiado, Cruzeiro vence time venezuelano pela Libertadores

28 Mar 2019 - 00h29Por Felipe Rosa Mendes

Em jogo adiado na Copa Libertadores, o Cruzeiro fez a lição de casa na noite desta quarta-feira e derrotou o modesto Deportivo Lara por 2 a 0, no Mineirão, em Belo Horizonte. Rodriguinho e Jadson marcaram os gols do jogo, que criou maior expectativa sobre a atuação cruzeirense.

Mesmo sem empolgar a torcida, o Cruzeiro disparou na liderança do Grupo B da Libertadores. Soma agora seis pontos, contra apenas dois do vice-líder Emelec. Huracán e Deportivo Lara têm apenas um ponto na chave.

A partida estava inicialmente marcada para o último dia 13 e chegou a ser reagendada pela Conmebol para o dia 14, mas voltou a ser adiada com a impossibilidade de o time venezuelano viajar rumo ao Brasil. E o duelo finalmente pôde ocorrer nesta quarta, quando a segunda rodada desta chave do torneio continental foi enfim completada.

Em campo, o Cruzeiro dominou com facilidade. Abriu o placar aos 7 minutos e prometia até uma goleada, com grande atuação de Rodriguinho. Mas a equipe caiu de rendimento gradualmente, principalmente no segundo tempo. Chegou a preocupar a torcida, até que chegou ao segundo gol, nos acréscimos.

O Cruzeiro volta a campo pela Libertadores no dia 3 de abril para enfrentar o Emelec, fora de casa. O Deportivo Lara recebe o Huracán no mesmo dia.

O JOGO - Contra o rival considerado o mais fraco do grupo, o Cruzeiro não teve maiores dificuldades para se impor em campo. Tanto que balançou as redes logo aos sete minutos de jogo. Fred deu assistência de ombro para Rodriguinho, que conteve a marcação dentro da área e bateu para o gol, com facilidade, diante do goleiro que não saiu do gol.

Impondo forte ritmo nos primeiros minutos, o Cruzeiro quase chegou ao segundo três minutos depois, com Fred. O atacante escorou de primeira dentro da área e bateu em cima do goleiro. Avançando com facilidade, o time da casa atacava com Rodriguinho e Marquinhos Gabriel pela esquerda e Fred mais centralizado. Robinho ameaçava pela direita.

Com toda esta disposição ofensiva, a equipe mandante balançou as redes novamente aos 23 minutos. Porém, o árbitro assinalou impedimento de forma equivocada. No lance, Fred estava impedido somente no início da jogada. No segundo momento, quando mandou para o gol, já estava em posição regular.

O placar do primeiro tempo acabou não refletindo o domínio cruzeirense, que jogava para ter ao menos dois gols de vantagem no marcador. Mas, depois do ritmo acelerado da etapa inicial, o Cruzeiro voltou impondo jogo mais cadenciado no segundo tempo. Rodriguinho, então destaque do jogo, passou a cometer erros, o que sabotou boas chances do time.

Ao mesmo tempo, o Deportivo Lara passou a se arriscar mais no ataque e esteve perto de surpreender a defesa mineira a partir dos 10 minutos. No entanto, não chegou a criar chance mais clara de gol.

Preocupado, o auxiliar Sidnei Lobo (o técnico Mano Menezes cumpriu suspensão) mudou o meio-campo. Trocou Robinho e Marquinhos Gabriel por Rafinha e pelo jovem David para dar maior ofensividade à equipe.

A tentativa, contudo, deu pouco resultado. Afora uma cabeçada perigosa de Fred, aos 29, e uma cobrança de falta de Egídio, aos 41, o time da casa ofereceu pouco perigo ao gol de Salazar na etapa final.

Quando o jogo parecia definido, uma rápida troca de passes na entrada da área venezuelana resultou em finalização certeira de Jadson, aos 50 minutos do segundo tempo. Foi o suficiente para trazer alívio e alegria à torcida mineira.

FICHA TÉCNICA:

CRUZEIRO 2 x 0 DEPORTIVO LARA

CRUZEIRO - Fábio; Edilson, Dedé, Leo e Egídio; Henrique, Lucas Romero, Robinho (Rafinha), Rodriguinho (Jadson) e Marquinhos Gabriel (David); Fred. Técnico: Mano Menezes.

DEPORTIVO LARA - Salazar; Vargas, Di Giorgi, Miers e Aponte; Manzano, Anzola, Yriarte, Centeno (Castellanos); Di Renzo (Freddy Vargas) e Frutos (Arrieche). Técnico: Leonardo González.

GOLS - Rodriguinho, aos 7 minutos do primeiro tempo. Jadson, aos 50 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Dedé, Di Giorgi e Miers.

ÁRBITRO - Piero Maza (Chile).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Juventus encara o Hercílio Luz pelo Catarinense nesta quarta em Jaraguá

Partida, marcada para às 16h, terá transmissão da Rádio Jaraguá
Juventus encara o Hercílio Luz pelo Catarinense nesta quarta em Jaraguá
Esportes

Catarinenses conhecem adversários na Copa do Brasil 2021

A Chapecoense, por ter sido campeã da Série B do Campeonato Brasileiro em 2020, entra direto na terceira fase da disputa nacional
Catarinenses conhecem adversários na Copa do Brasil 2021
Esportes

Joinville tem novo jogo adiado no estadual por surto de covid-19

Partida contra Metropolitano terá data remarcada
Joinville tem novo jogo adiado no estadual por surto de covid-19
Economia

Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias

Litro da gasolina ficou R$ 0,12 mais caro (4,8%)
Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias
Ver mais de Esportes