Campanha Sarampo
ESPORTE

Diniz lamenta tragédia e prevê clássico equilibrado: 'Fla-Flu sempre é diferente'

13 Fev 2019 - 17h08

O Fluminense encerrou nesta quarta-feira a sua preparação para o clássico contra o Flamengo, marcado para esta quinta, às 20h30, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela semifinal da Taça Guanabara - o primeiro turno do Campeonato Carioca. Fernando Diniz terá pela frente o seu primeiro Fla-Flu como técnico e prevê muito equilíbrio. Mas a tragédia no CT rubro-negro, o Ninho do Urubu, na última sexta, com a morte de 10 jogadores das categorias de base após um incêndio nos alojamentos, pode influir no resultado.

"Num jogo de futebol, o lado psicológico tem fator decisivo, sempre está no jogo. Isso que aconteceu transcende o futebol, uma tragédia como essa vai além do que se pode determinar no resultado do jogo. Ficamos muito entristecidos, mexe muito com a gente e o jogo não é a coisa mais relevante. Quem conseguir jogar melhor vai vencer a partida. Esse fato à parte tem que ser usado em toda a comunidade do futebol para evitar que isso ocorra novamente", disse o treinador tricolor.

"Fla-Flu sempre é diferente. Adorava jogar e confesso que estou com uma alegria muito grande em participar agora como técnico. É um jogo que mexe com as pessoas, o Rio de Janeiro é uma cidade que respira futebol de uma maneira diferente, a gente percebe pelos torcedores. Tem um charme envolvendo e quando se fala em Fla-Flu, mexe com a emoção das pessoas de uma maneira singular", afirmou.

Diniz sabe das dificuldades que o Fluminense terá no clássico. "Penso jogo a jogo, mas o estilo serve para todas as situações. O time está jogando bem assim. Tem que tomar cuidado com o Flamengo, tem um dos nossos maiores treinadores como técnico (Abel Braga), é um estrategista, tem grandes jogadores, um time de alto investimento. Então tem que tomar os cuidados necessários, mas vamos jogar dentro das nossas características. Queremos melhorar cada vez mais para que o estilo que gostamos de jogar fique mais sólido também", analisou.

O treinador recebeu uma boa notícia na véspera do clássico. O volante Bruno Silva seria julgado nesta quarta-feira pela cusparada que deu em direção à torcedores do Vasco no jogo do último dia 2, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. No entanto, a audiência no Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ) foi adiada para semana que vem.

Bruno Silva foi denunciado pelo TJD-RJ nos artigos 258 (ação contrário à ética desportiva) e 254-B (cuspir em outrem) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). A punição pode ser de até 18 jogos.

Matérias Relacionadas

Esportes

Arthur Müller recebe as finais do Estadual de Basquetebol

A categoria sub 15 entra em quadra na noite de hoje (17), às 20h30
Arthur Müller recebe as finais do Estadual de Basquetebol
Esportes

De roupa nova, Jaraguá buscará mais medalhas nos Parajasc

Este ano, a competição ocorre em Caçador até o dia 19 deste mês
De roupa nova, Jaraguá buscará mais medalhas nos Parajasc
Esportes

Corredora que perdeu patrocínio por causa da gravidez bate recorde de Bolt

Ela superou o jamaicano Usain Bolt, que tem 11 medalhas
Corredora que perdeu patrocínio por causa da gravidez bate recorde de Bolt
Esportes

Sub-12 do Basquete Jaraguá estreia no pentagonal semifinal do Catarinense

Equipe busca, a partir desta sexta-feira, uma das duas vagas na etapa decisiva da competição, que ocorrerá no fim deste mês
Sub-12 do Basquete Jaraguá estreia no pentagonal semifinal do Catarinense
Ver mais de Esportes