ESPORTE

Bruno Soares vence e vai às quartas em Montecarlo; Marcelo Melo ganha na estreia

17 Abr 2019 - 11h03

O tênis brasileiro continua imbatível no Masters 1000 de Montecarlo. Nesta quarta-feira, os dois principais tenistas do Brasil na atualidade - os mineiros Bruno Soares e Marcelo Melo - venceram os seus jogos pela chave de duplas e seguem vivos no torneio disputado em quadras de saibro no Principado de Mônaco.

Bruno Soares foi o primeiro a entrar em quadra. Junto com o britânico Jamie Murray, seu parceiro habitual, ganhou pela segunda vez em Montecarlo e garantiu um lugar nas quartas de final ao bater a parceria formada pelo croata Ivan Dodig com o francês Edouard Roger-Vasselin.

Cabeças de chave 3, Soares e Murray tiveram uma partida apertadíssima, com dois tie-breaks, por 2 sets a 1 - com parciais de 7/6 (7/5), 6/7 (4/7) e 10 a 8 no match tie-break. Únicos classificados para as quartas de final, eles aguardam quem passar do duelo entre o argentino Diego Schwartzman e o português João Sousa contra o finlandês Henri Kontinen e o australiano John Peers.

Na sequência, foi a vez de Marcelo Melo fazer a sua estreia na competição em Mônaco. Na única partida de primeira rodada ainda por jogar, o mineiro e o polonês Lukasz Kubot fizeram valer a condição de cabeças de chave número 2 e derrotoram os espanhóis Marcel Granollers e Marc López por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (10/8) e 6/4.

O próximo desafio de Melo e Kubot será a parceria austríaca formada por Jurgen Melzer e Dominic Thiem, que recebeu um convite da organização e estreou superando o espanhol Fernando Verdasco e o alemão Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 0.

Outro tenista brasileiro na disputa é Marcelo Demoliner. O gaúcho, ao lado do russo Daniil Medvedev, ganhou na estreia e entrará em quadra nesta quinta-feira, pelas oitavas de final, contra os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah, cabeças de chave número 4.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Após queda na Libertadores, Renato Gaúcho deixa comando do Grêmio

Técnico ficou no cargo por quatro anos e sete meses, com sete títulos
Após queda na Libertadores, Renato Gaúcho deixa comando do Grêmio
Esportes

Vasco encerra tabu, derrota Flamengo e segue vivo no Carioca

Cruzmaltino, que não superava o rival há 17 jogos, assume 5º lugar
Vasco encerra tabu, derrota Flamengo e segue vivo no Carioca
Esportes

Grêmio perde outra vez para Del Valle e dá adeus à Libertadores

Tricolor segue para Sul-Americana e algozes serão rivais do Palmeiras
Grêmio perde outra vez para Del Valle e dá adeus à Libertadores
Esportes

Secretaria de Esporte seleciona alunos para a prática do tiro ao alvo

Para participar da seleção é preciso ser brasileiro nato ou naturalizado, residir em Jaraguá do Sul e ter idade mínima seis anos completos até a data da inscrição
Secretaria de Esporte seleciona alunos para a prática do tiro ao alvo
Ver mais de Esportes