transito
ESPORTE

Bruno Soares e Jamie Murray perdem final do ATP 500 de Barcelona para colombianos

28 Abr 2019 - 15h46

Bruno Soares e Jamie Murray perderam neste domingo a final de duplas do ATP 500 de Barcelona, disputado em quadras de saibro na Espanha, para os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah. Os tenistas sul-americanos venceram com facilidade por 2 sets a 0 - com parciais de 6/4 e 7/6 (7/4) -, para conquistar o torneio catalão.

Com a derrota, a dupla composta pelo brasileiro e pelo britânico, irmão de Andy Murray, perdeu a segunda chance de conquistar o seu primeiro título no saibro. Há três anos, os dois também foram vencidos no terreno, quando perderam a decisão do Masters 1000 de Montecarlo para os franceses Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut.

A vitória dos colombianos também foi uma vingança. Em janeiro deste ano, no ATP 250 de Sydney, em quadra dura na Austrália, Cabal e Farah foram batidos por Soares e Murray. Em agosto de 2018, a dupla do brasileiro também vencera os rivais no Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos.

Na final deste domingo, Soares e Murray até começaram bem, quebrando o saque dos adversários no começo do primeiro set e abrindo vantagem de 2 a 0. Os colombianos, porém, viraram a partida com duas quebras no terceiro e no sétimo games. O brasileiro e o britânico perderam pontos cruciais nos games 6 e 8 e não puderam evitar o 1 a 0 para os adversários, que saíram na frente por 6/4.

O segundo set foi mais disputado. Soares e Murray chegaram a abrir 4 a 1, mas voltaram a permitir o empate, mostrando pouca consistência. A dupla do brasileiro até voltou a ficar na frente, com 5 a 3, mas deixou que os adversários se aproximassem uma vez mais - desperdiçaram cinco set points e permitiram o tie break. No desempate, voltaram a abrir vantagem, de 4 a 2, mas os colombianos confirmaram os últimos cinco pontos para sacramentar o título.

A final deste domingo foi a 59.ª da carreira de Soares, de 37 anos, atual número 9 do ranking de duplas. O mineiro buscava o seu 31.º título, mas parou nos rivais da Colômbia. O brasileiro, porém, já conquistou o ATP 500 de Barcelona em 2013, quando jogava com Alexander Peya. Ao lado do austríaco, venceu o seu último título no saibro - no ATP 250 de Munique, da Alemanha, em 2015.

BIA HADDAD - A paulista Beatriz Haddad Maia foi superada neste domingo pela suíça Jil Teichmann por 2 sets a 0, com um duplo 6/2, pela segunda rodada do qualifying do Torneio de Praga, e está fora da competição realizada em quadras de saibro na República Checa.

"Hoje (domingo) ela foi muito sólida do que eu", afirmou Bia Haddad, que já tinha vencido a suíça em outras duas oportunidades. "Tive muito erros não-forçados e não aproveitei as chances que eu tinha. Ela foi se soltando e crescendo na partida. Saquei um pouco abaixo do que eu estava sacando ontem (sábado) também e isso acabou fazendo com que o resultado não fosse positivo", explicou a tenista número 1 do Brasil.

Em compensação, Bia Haddad recebeu uma boa notícia neste domingo. Ela e a paulista Luisa Stefani entraram na chave de duplas e vão estrear contra a sueca Cornelia Lister e a checa Renata Voracova. "Eu e a Luisa ficamos muito felizes", finalizou.

Matérias Relacionadas

Economia

Após chuvas, Gramado tem mais de 500 hotéis e restaurantes fechados

Temporais e deslizamentos deixaram 1 mil desabrigados
Após chuvas, Gramado tem mais de 500 hotéis e restaurantes fechados
Esportes

O Brasil ficará melhor sem Neymar nesta época?

Apesar do seu talento inquestionável, o comportamento do camisa 10 faz muitos torcedores acreditarem que o Brasil fica melhor quando ele está fora do elenco.
O Brasil ficará melhor sem Neymar nesta época?
Esportes

Confira o programa Arena dos Sports desta semana

O Arena dos Sports, da Rádio Jaraguá, é um programa voltado para todas as atividades esportivas, contando com informações e entrevistas com destaques de várias modalidades
Confira o programa Arena dos Sports desta semana
Esportes

CBF anuncia que jogos do Brasileiro retornam no dia 1º de junho

Competição foi interrompida por consequências das chuvas no RS
CBF anuncia que jogos do Brasileiro retornam no dia 1º de junho
Ver mais de Esportes