Jaraguá do Sul

Decreto determina vacinação em dia para matrícula de alunos na rede municipal de Jaraguá do Sul

O atestado de vacinação deverá ser anexado às demais documentações de matrícula ou rematrícula do aluno

02 Set 2019 - 06h00Por Da Redação
Decreto determina vacinação em dia para matrícula de alunos na rede municipal de Jaraguá do Sul - Crédito: Divulgação / PMJS Crédito: Divulgação / PMJS

Com objetivo de proteger as crianças dentro do que estabelece o Estatuto da Criança e Adolescente, o prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli, emitiu o Decreto nº 13118/2019 que estabelece a apresentação do comprovante de vacinação para matrículas e rematrículas na rede municipal de ensino.

A medida referenda uma recomendação que já vinha sendo adotada pelas próprias escolas jaraguaenses desde o início do período de matrícula em 2018. Segundo a gerente de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, Fabiane da Silva Ananias, foi justamente neste momento que se percebeu que havia muitas crianças com a programação de vacinas atrasadas. “Na ocasião, 20 mil doses foram feitas para fazer esta regularização.”

O Artigo 3º do decreto estabelece: “Constatando-se, no ato da matrícula ou rematrícula, a ausência de qualquer das vacinas obrigatórias e adequadas à idade do matriculando, o pai ou responsável deverá reapresentar o atestado de vacinação em até 60 (sessenta) dias devidamente regularizado.”

Caso não haja apresentação do atestado de vacinação no ato da matrícula ou rematrícula após este prazo, a escola deverá comunicar imediatamente o Conselho Tutelar, informando a situação do aluno para as devidas providências e reparação de direitos, sem prejuízos à efetivação ou manutenção da matrícula.

O atestado de vacinação deverá ser anexado às demais documentações de matrícula ou rematrícula do aluno. Somente será dispensado da vacinação obrigatória o matriculando que apresentar atestado médico de contraindicação explícita da aplicação da vacina.

A expectativa de Fabiane é que, a partir de agora, se consiga regularizar estas carteirinhas. “Desde o ano passado, os pais estão mais atentos. Sem falar que o direito da criança à vacinação está previsto pelo próprio Estatuto da Criança e Adolescente”.

O decreto abrange apenas as escolas da rede municipal, mas segundo a gerente da Secretaria de Saúde estabelecimentos estaduais de ensino também deverão seguir a mesma recomendação. Quanto a rede particular este critério ainda não é exigido. 

Para mais informações sobre o Decreto nº 13118/2019 acesse aqui.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Matérias Relacionadas

Educação

Estudantes de escola pública criam app para ensinar Libras

A ideia surgiu depois da chegada de dois alunos surdos à turma do 4º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Arnaldo Grin
Estudantes de escola pública criam app para ensinar Libras
Educação

Parceria com Suécia estimula participação de meninas na área de exatas

Festival Tekla trouxe workshop de robótica para Brasília
Parceria com Suécia estimula participação de meninas na área de exatas
Educação

Combate à obesidade é tema de projeto de educação alimentar na rede estadual

Entre as crianças menores de cinco anos, 7,3% registram peso acima do ideal
Combate à obesidade é tema de projeto de educação alimentar na rede estadual
Esportes

Definidos os campeões dos Jogos Escolares da Pátria

Colégio Evangélico Jaraguá é campeão geral dos Jogos da Semana da Pátria, Escola Municipal Ana Towe Nagel ficou com a segunda colocação
Definidos os campeões dos Jogos Escolares da Pátria
Ver mais de Educação