ECONOMIA

União bancou R$ 864,42 milhões em dívidas de MG e RJ em fevereiro

15 Mar 2019 - 17h25Por Eduardo Rodrigues

A União bancou R$ 864,42 milhões em dívidas de governos estaduais em fevereiro, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira, 15, pelo Tesouro Nacional. O valor se refere a R$ 748,26 milhões em calotes dados por Minas Gerais e R$ 116,16 milhões em débitos não pagos pelo Rio de Janeiro.

No primeiro bimestre, o governo federal precisou desembolsar R$ 1,429 bilhão para honrar dívidas dos dois governos, que têm garantias da União. O rombo maior vem de Minas Gerais, cujos calotes neste ano já alcançam R$ 1,207 bilhão.

Embora o custo para a União com essas garantias seja crescente, o Tesouro está impedido de bloquear os repasses para os dois Estados.

No caso do Rio de Janeiro, porque o governo estadual aderiu ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF) dos Estados ainda em 2017. No caso de Minas Gerais, porque o governo estadual conseguiu neste ano uma decisão judicial que impede a execução das contragarantias pela União nessas operações.

Matérias Relacionadas

Educação

Governo do Estado define novo cronograma de funcionamento de transporte e educação

Governo do Estado define novo cronograma de funcionamento de transporte e educação
Jaraguá do Sul

CDL Jaraguá do Sul lança campanha para fortalecer o comércio local no Dia dos Namorados

Conforme o diretor de Comunicação da CDL, a entidade vem enfatizando junto aos associados a importância de manter os cuidados preventivos contra a Covid-19 em todos os comércios
CDL Jaraguá do Sul lança campanha para fortalecer o comércio local no Dia dos Namorados
Saúde

Transporte coletivo poderá ser retomado a partir de segunda-feira em SC

Já a aulas devem permanecer suspensas até agosto
Transporte coletivo poderá ser retomado a partir de segunda-feira em SC
Saúde

WEG entrega 200 ventiladores pulmonares para o SUS

A entrega faz parte do contrato que a Companhia assinou com o Governo Federal para o fornecimento de 950 ventiladores pulmonares destinados a UTI para o Sistema Único de Saúde (SUS).
WEG entrega 200 ventiladores pulmonares para o SUS
Ver mais de Economia