ECONOMIA

Salas comerciais têm baixa nos preços de venda e alta nos aluguéis em janeiro

26 Fev 2019 - 08h26Por Circe Bonatelli

O mercado de salas e conjuntos comerciais iniciou o ano com queda nos preços de venda, mas com alta nos valores de locação, de acordo com levantamento realizado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) em parceria com o site Zap. A pesquisa é feita com base nos anúncios de imóveis em dez cidades.

O preço médio anunciado de venda dos imóveis comerciais caiu 0,15% em janeiro. Já nos últimos 12 meses, os preços acumulam baixa de 3,30%. Em janeiro, quatro das dez cidades monitoradas pela pesquisa tiveram altas nos preços de venda: Brasília (1,43%), Salvador (0,24%), Campinas (0,17%) e São Paulo (0,07%).

Já as outras seis registram quedas: Porto Alegre (-0,99%), Florianópolis (-0,91%), Curitiba (-0,80%), Rio de Janeiro (-0,32%), Belo Horizonte (-0,14%) e Niterói (-0,48%).

Aluguel

No caso da locação, a média de preços para as salas e conjuntos comerciais subiu 0,16% em janeiro. Apesar da oscilação positiva no mês, os valores pedidos de aluguel ainda acumulam queda de 2,25% nos últimos 12 meses.

Em janeiro, cinco das cidades monitoradas tiveram alta nos preços: Salvador (1,30%), Curitiba (0,99%), Niterói (0,75%), Rio de Janeiro (0,41%) e Porto Alegre (0,09%).

As outras cinco mostraram recuos nos valores pedidos de aluguéis: Florianópolis (-0,54%), Campinas (-0,53%), Belo Horizonte (-0,51%), São Paulo (-0,03%) e Brasília (-0,15%).

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul inova com lançamento do CDL BOX

Além de beneficiar clientes e lojistas, a ferramenta ainda servirá para ajudar instituições jaraguaenses cadastradas.
Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul inova com lançamento do CDL BOX
Economia

Geo Portal, da Prefeitura de Jaraguá, alcança mais de 600 consultas diárias

Serviço busca expandir informações geográficas do município de forma simples e rápida
Geo Portal, da Prefeitura de Jaraguá, alcança mais de 600 consultas diárias
Economia

Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões

No ano, o lucro chegou a R$ 2,340 bilhões, avanço de 45% ante o ano anterior
Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões
Economia

Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central

Medida prevê mandatos para dirigentes do órgão
Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central
Ver mais de Economia