ECONOMIA

Salas comerciais têm baixa nos preços de venda e alta nos aluguéis em janeiro

26 Fev 2019 - 08h26Por Circe Bonatelli

O mercado de salas e conjuntos comerciais iniciou o ano com queda nos preços de venda, mas com alta nos valores de locação, de acordo com levantamento realizado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) em parceria com o site Zap. A pesquisa é feita com base nos anúncios de imóveis em dez cidades.

O preço médio anunciado de venda dos imóveis comerciais caiu 0,15% em janeiro. Já nos últimos 12 meses, os preços acumulam baixa de 3,30%. Em janeiro, quatro das dez cidades monitoradas pela pesquisa tiveram altas nos preços de venda: Brasília (1,43%), Salvador (0,24%), Campinas (0,17%) e São Paulo (0,07%).

Já as outras seis registram quedas: Porto Alegre (-0,99%), Florianópolis (-0,91%), Curitiba (-0,80%), Rio de Janeiro (-0,32%), Belo Horizonte (-0,14%) e Niterói (-0,48%).

Aluguel

No caso da locação, a média de preços para as salas e conjuntos comerciais subiu 0,16% em janeiro. Apesar da oscilação positiva no mês, os valores pedidos de aluguel ainda acumulam queda de 2,25% nos últimos 12 meses.

Em janeiro, cinco das cidades monitoradas tiveram alta nos preços: Salvador (1,30%), Curitiba (0,99%), Niterói (0,75%), Rio de Janeiro (0,41%) e Porto Alegre (0,09%).

As outras cinco mostraram recuos nos valores pedidos de aluguéis: Florianópolis (-0,54%), Campinas (-0,53%), Belo Horizonte (-0,51%), São Paulo (-0,03%) e Brasília (-0,15%).

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado

Segundo Talita Beber, presidente da CDL Jaraguá do Sul, o comércio local está preparado com promoções, ações de vendas casadas e, com foco na segurança por causa da pandemia
Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado
Economia

Governo do Estado institui o Auxílio Catarina

Benefício emergencial será destinado a mais de 60 mil famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica no estado
Governo do Estado institui o Auxílio Catarina
Economia

Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia

O investimento do Executivo será superior a R$ 37 milhões, com recursos já garantidos no orçamento
Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia
Economia

Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp

Instituição financeira cooperativa oferece nova opção de transferência para os associados por meio de parceria com o Facebook
Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp
Ver mais de Economia