dengue
ECONOMIA

Rogério Marinho critica posição de Paulinho da Força sobre reforma da Previdência

01 Mai 2019 - 14h12Por Bárbara Nascimento

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, comentou nesta quarta-feira, dia 1º, em sua conta no Twitter, a notícia de que o "Centrão" discute apoiar uma reforma da Previdência com uma economia menor do que o proposto pelo governo com o objetivo de evitar a reeleição do presidente Jair Bolsonaro.

"Esse é o momento de todos pensarem no Brasil e nas próximas gerações e menos nas próximas eleições", disse o secretário na rede social.

Durante evento das centrais sindicais em São Paulo pelo Dia do Trabalho, o líder da Força Sindical, Paulinho da Força, afirmou que os partidos que se reúnem no grupo conhecido como "Centrão" discutem o apoio a uma reforma da Previdência que não garanta a recondução de Bolsonaro ao poder. "O que estamos discutindo dentro do Centrão é que precisamos fazer uma reforma que não garanta a reeleição de Bolsonaro", disse, completando: "R$ 800 bilhões garantem, de cara, e reeleição dele".

Matérias Relacionadas

Economia

Bancos não terão atendimento presencial ao público nesta quinta-feira

Agências serão reabertas na sexta
Bancos não terão atendimento presencial ao público nesta quinta-feira
Economia

Mercado eleva previsão da inflação de 3,8% para 3,86% em 2024

Projeção de expansão da economia está 2,05% este ano.
Mercado eleva previsão da inflação de 3,8% para 3,86% em 2024
Economia

Após chuvas, Gramado tem mais de 500 hotéis e restaurantes fechados

Temporais e deslizamentos deixaram 1 mil desabrigados
Após chuvas, Gramado tem mais de 500 hotéis e restaurantes fechados
Política

Modal ferroviário é tema de debate na Assembleia Legislativa de Santa Catarina

Encontro foi proposto pelo deputado Antídio Lunelli, presidente da Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano da Alesc
Modal ferroviário é tema de debate na Assembleia Legislativa de Santa Catarina
Ver mais de Economia