Delivery Much
ECONOMIA

Rogério Marinho critica posição de Paulinho da Força sobre reforma da Previdência

01 Mai 2019 - 14h12Por Bárbara Nascimento

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, comentou nesta quarta-feira, dia 1º, em sua conta no Twitter, a notícia de que o "Centrão" discute apoiar uma reforma da Previdência com uma economia menor do que o proposto pelo governo com o objetivo de evitar a reeleição do presidente Jair Bolsonaro.

"Esse é o momento de todos pensarem no Brasil e nas próximas gerações e menos nas próximas eleições", disse o secretário na rede social.

Durante evento das centrais sindicais em São Paulo pelo Dia do Trabalho, o líder da Força Sindical, Paulinho da Força, afirmou que os partidos que se reúnem no grupo conhecido como "Centrão" discutem o apoio a uma reforma da Previdência que não garanta a recondução de Bolsonaro ao poder. "O que estamos discutindo dentro do Centrão é que precisamos fazer uma reforma que não garanta a reeleição de Bolsonaro", disse, completando: "R$ 800 bilhões garantem, de cara, e reeleição dele".

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje

Serão beneficiadas 3,5 milhões de pessoas
Nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje
Economia

Mega-Sena acumula e prêmio vai para R$ 22 milhões

A quina teve 75 ganhadores, com prêmio individual de R$ 32.688,93
Mega-Sena acumula e prêmio vai para R$ 22 milhões
Economia

Copom mantém juros básicos da economia em 2% ao ano

Apesar de alta na inflação, BC decidiu não mexer na Selic
Copom mantém juros básicos da economia em 2% ao ano
Economia

Copom deve manter juros básicos em 2% ao ano, dizem analistas

Resultado da reunião será divulgado no fim da tarde
Ver mais de Economia