ECONOMIA

Preço médio dos imóveis residenciais sobe 0,08% em fevereiro, aponta Fipe

07 Mar 2019 - 08h24Por Circe Bonatelli

Após subir 0,13% em janeiro, o preço nominal médio dos imóveis residenciais teve uma desaceleração em fevereiro e fechou o mês com alta de 0,08%, de acordo com pesquisa realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). O resultado aponta para uma queda real no preço dos imóveis, considerando que a inflação esperada para fevereiro é de 0,35%, segundo o Boletim Focus, do Banco Central.

No acumulado dos primeiros dois meses do ano, os preços mostraram alta de 0,21%, enquanto nos últimos 12 meses, o avanço foi de 0,07%, também ficando abaixo da inflação no período.

O levantamento é feito com base nos anúncios de imóveis em 50 cidades, das quais 16 são capitais. Em fevereiro, nove das 16 capitais pesquisadas tiveram alta nos preços: Salvador (0,02%), Rio de Janeiro (0,08%), Fortaleza (0,24%), São Paulo (0,27%), Vitória (0,39%), Brasília (0,56%), Manaus (0,84%), Goiânia (0,94%) e Florianópolis (1,00%).

Já as outras sete capitais tiveram recuo nos preços: Maceió (-0,03%), Campo Grande (-0,12%), Recife (-0,13%), Porto Alegre (-0,19%), Belo Horizonte (-0,43%), Curitiba (-1,59%) e João Pessoa (-2,30%).

O preço médio do metro quadrado (m2) anunciado foi de R$ 7.189. O município do Rio de Janeiro se manteve como a capital com o preço mais elevado (R$ 9.481/m2), seguida por São Paulo (R$ 8.862/m2) e Brasília (R$ 7.367/m2).

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul inova com lançamento do CDL BOX

Além de beneficiar clientes e lojistas, a ferramenta ainda servirá para ajudar instituições jaraguaenses cadastradas.
Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul inova com lançamento do CDL BOX
Economia

Geo Portal, da Prefeitura de Jaraguá, alcança mais de 600 consultas diárias

Serviço busca expandir informações geográficas do município de forma simples e rápida
Geo Portal, da Prefeitura de Jaraguá, alcança mais de 600 consultas diárias
Economia

Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões

No ano, o lucro chegou a R$ 2,340 bilhões, avanço de 45% ante o ano anterior
Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões
Economia

Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central

Medida prevê mandatos para dirigentes do órgão
Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central
Ver mais de Economia