Economia

Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás

Reajuste será nas refinarias e entra em vigor amanhã

01 Mar 2021 - 10h37Por Agência Brasil
Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás - Crédito: Agência Brasil Crédito: Agência Brasil

A Petrobras anunciou hoje (1º) um novo aumento nos preços da gasolina, do óleo diesel e do gás de botijão vendidos nas refinarias. A partir de amanhã (2), a gasolina ficará 4,8% mais cara, ou seja, R$ 0,12 por litro. Com isso, o combustível será vendido às distribuidoras por R$ 2,60 por litro.

O óleo diesel terá um aumento de 5%: R$ 0,13 por litro. Com o reajuste, o preço para as distribuidoras passará a ser de R$ 2,71 por litro a partir de amanhã.

Já o gás liquefeito de petróleo (GLP), conhecido como gás de botijão ou gás de cozinha, ficará 5,2% mais caro também a partir de amanhã. O preço para as distribuidoras será de R$ 3,05 por quilo (R$ 0,15 mais caro), ou seja R$ 36,69 por 13 kg (ou R$ 1,90 mais caro).

Segundo a Petrobras, seus preços são baseados no valor do produto no mercado internacional e na taxa de câmbio.

“Importante ressaltar também que os valores praticados nas refinarias pela Petrobras são diferentes dos percebidos pelo consumidor final no varejo. Até chegar ao consumidor são acrescidos tributos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de biocombustíveis pelas distribuidoras, no caso da gasolina e do diesel, além dos custos e margens das companhias distribuidoras e dos revendedores de combustíveis”, destaca nota divulgada pela empresa.

Edição: Kleber Sampaio

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Caixa paga auxílio emergencial a nascidos em agosto

Benefício tem parcelas de R$ 150 a R$ 375
Caixa paga auxílio emergencial a nascidos em agosto
Economia

Mega-Sena sorteia nesta quinta-feira prêmio de R$ 2,5 milhões

O sorteio será realizado às 20h na cidade de São Paulo
Mega-Sena sorteia nesta quinta-feira prêmio de R$ 2,5 milhões
Política

Projeto de lei isenta de imposto compra e transporte de oxigênio hospitalar em SC

Segundo o autor da proposta, deputado Milton Hobus (PSD), conceder esse benefício têm que ser prioridade neste momento em que a demanda pelo insumo está alta e muitas cidades já registram desabastecimento
Projeto de lei isenta de imposto compra e transporte de oxigênio hospitalar em SC
Economia

Arrecadação federal sobe 18,5% e bate recorde para meses de março

Recolhimentos atípicos influenciaram resultado, diz Receita
Arrecadação federal sobe 18,5% e bate recorde para meses de março
Ver mais de Economia