Joaçaba Pneus
ECONOMIA

Não é difícil que China compre mais soja dos EUA e menos de outros, diz Ross

01 Mar 2019 - 16h19Por Gabriel Bueno da Costa

Secretário de Comércio dos Estados Unidos, Wilbur Ross afirmou nesta sexta-feira que a China não deve ter dificuldade de comprar mais soja americana, passando a comprar menos de outros países. Ele tratou do assunto durante conferência anual conservadora em Maryland.

À plateia, Ross disse que não é difícil conseguir concessões na China no comércio em si, para garantir um acordo. Segundo ele, contudo, dois outros aspectos são mais complexos nesse diálogo: reformas estruturais, como aumentar o respeito à propriedade intelectual o fim do roubo de tecnologia; e mecanismos para a resolução de disputas, inclusive com a possibilidade de que os EUA possam adotar tarifas unilaterais, em caso de descumprimento.

Ross afirmou que, caso a China não cumpra um acordo que venha a ser fechado, os EUA devem ter liberdade para impor medidas como tarifas, cotas ou outras que possam compensar isso.

Em sua fala, o secretário também citou o gás natural liquefeito como produto que os chineses podem comprar mais dos EUA. Além disso, comentou que a americana Boeing poderia vender mais aeronaves ao país asiático.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Decisão sobre reajuste de bandeiras tarifárias deve sair até o dia 30

Aumento pode passar de 20%, diz diretor da Aneel
Decisão sobre reajuste de bandeiras tarifárias deve sair até o dia 30
Economia

Caixa antecipa pagamento de terceira parcela do auxílio emergencial

Novo calendário começa nesta sexta-feira, para nascidos em janeiro
Caixa antecipa pagamento de terceira parcela do auxílio emergencial
Economia

FIESC defende redução temporária do imposto de importação do aço

O insumo teve alta superior a 100% em 12 meses e tem impactado diversos setores, principalmente a construção e o metalmecânico
FIESC defende redução temporária do imposto de importação do aço
Economia

Sine de Santa Catarina tem 5.145 vagas de emprego abertas

Todas as vagas são para contratações efetivas, os pré-requisitos e a carga horária variam de acordo com o cargo.
Sine de Santa Catarina tem 5.145 vagas de emprego abertas
Ver mais de Economia