Dia internacional das Mulheres
ECONOMIA

Mudança nas regras de LCA pode aumentar rendimento da aplicação

04 Mar 2019 - 10h11Por Ana Neira

As Letras de Crédito do Agronegócio (LCA) devem ficar mais atraentes para o investidor a partir de agora. Até o mês passado, quando o banco fazia uma emissão deste tipo de título, era preciso garantir que uma parcela da carteira tivesse juros de até 8,5%.

Após uma resolução do Conselho Monetário Nacional (CMN), não há mais esse limite e cada instituição define qual o melhor modelo de emissão, escolhendo como se dará a relação risco e retorno. Assim, quem investe em LCA poderá ter maiores ganhos - sem um aumento do risco.

A LCA é um título emitido por bancos com lastro em uma carteira de crédito do agronegócio. Esses papéis têm isenção de Imposto de Renda para pessoas físicas, o que acaba tornando os títulos mais atraentes para os pequenos investidores.

Com a mudança, o risco para o consumidor não deve aumentar, porque a LCA conta com a garantia dada pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito) para aplicações de até R$ 250 mil por instituição e CPF.

"Um efeito positivo é que a nova regra deve atrair bancos que não ofertavam esse tipo de produto, por causa da limitação dos juros de 8,5%. Isso deve aumentar a concorrência, o que é sempre bom", avalia o economista Alexandre Cabral, professor do LabFin da Fundação Instituto de Administração (FIA).

O diretor comercial da corretora Easynvest, Fábio Macedo, concorda que o primeiro impacto da novidade está no maior leque de possibilidades de atuação dos bancos, que aumentam seu retorno. No médio prazo, isso também poderá refletir-se nos rendimentos de quem investe em LCA. "Haverá mais oferta, logo, mais destino para esse dinheiro. Eventualmente, o investidor poderá conseguir taxas mais atrativas."
O ano de 2018 fechou com um estoque de LCA de R$ 150 bilhões, de acordo com o Banco Central. Até fevereiro, foram feitos novos depósitos de R$ 441 milhões nestes títulos, segundo a Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).

Por enquanto, a presença da LCA na carteira dos investidores brasileiros ainda é tímida. Dentro do varejo tradicional, ela representou 1,5% em dezembro do ano passado - no mesmo mês do ano anterior, era 1,6%. No varejo de alta renda, a representatividade foi um pouco maior: 4% e 4,3% em cada período, respectivamente.

Diante desses números, ainda há espaço para o produto crescer e as mudanças recentes devem colaborar para tal movimento, indicam analistas.

Competitiva

Para o coordenador do laboratório de finanças do Insper, Michael Viriato, a mudança feita pelo CMN não vai conseguir "revolucionar o mercado", mas, no geral, é bastante positiva. "O que fizeram foi cortar as amarras da limitação da taxa de juros. E retirar amarras é algo sempre bem-vindo para a economia", opina.

Ele concorda que há uma possibilidade de aumentar a oferta de LCA no mercado e de maiores retornos para o investidor, mas aponta que é preciso atenção na hora da escolha. Isenção de IR e maior disponibilidade para compra não devem ser determinantes na hora de definir onde investir recursos, diz.

"As LCA são muito parecidas com o CDB (Certificado de Depósito Bancário), com exceção dos aspectos fiscais. Às vezes, as pessoas se enganam e acham que por se tratar de um crédito agrícola, o primeiro é mais arriscado. Ou que a isenção de IR o torna melhor, mas nem sempre isso se reflete na remuneração. Portanto, o recomendado é sempre analisar opções semelhantes disponíveis."

Desta forma, mesmo com a maior oferta de LCA no mercado em um futuro próximo, isso não significa que o título de renda fixa despontará como favorito. Ele pode tornar-se apenas mais competitivo.

Outra possibilidade é que o apetite das empresas por crédito também aumente mediante as novas práticas. No entanto, é mais difícil que isso ocorra, avalia Viriato. "Aquelas que precisam de muito crédito buscarão isso com operações no mercado." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Contribuinte pode destinar parte do IR para projetos sociais de Guaramirim

Todas as pessoas físicas podem fazer doações de recursos financeiros aos Fundos Municipais
Contribuinte pode destinar parte do IR para projetos sociais de Guaramirim
Economia

Aumento da gasolina também causa impacto no preço do etanol

Álcool acumula aumento de 21% desde janeiro
Aumento da gasolina também causa impacto no preço do etanol
Economia

Indústria brasileira cresce 0,4% de dezembro para janeiro

Setor teve expansão de 0,8% na média móvel trimestral
Indústria brasileira cresce 0,4% de dezembro para janeiro
Economia

Em nova coleção, Malwee aposta em versatilidade e moda atemporal

Marca apresenta peças atemporais como moletons, malhas texturizadas, calças jogger, jeans e tricôs clássicos para serem usados por vários invernos
Em nova coleção, Malwee aposta em versatilidade e moda atemporal
Ver mais de Economia