ECONOMIA

Marinho reúne-se com MDB e diz que economia com militares dependerá do presidente

19 Mar 2019 - 17h34Por Idiana Tomazelli

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, se reuniu com a bancada do MDB na Câmara dos Deputados para conversar sobre a proposta de reforma da Previdência. Na chegada, Marinho voltou a dizer que a ideia da equipe econômica é obter um saldo positivo para as contas com o texto que trata das regras dos militares.

Como mostrou o jornal O Estado S. Paulo, a expectativa de economia de R$ 92 bilhões em dez anos contempla apenas a mudança nas regras previdenciárias sem contabilizar o custo que haverá com a reestruturação das carreiras.

Marinho reforçou nesta terça-feira que a intenção é ter superávit com as mudanças, mas não confirmou o valor citado mais cedo pelo vice-presidente Hamilton Mourão, de R$ 13 bilhões. "O valor (do superávit) vai depender do presidente (Jair Bolsonaro)", disse.

A proposta dos militares será detalhada amanhã pela equipe econômica após a entrega do texto que ainda passará pelo crivo final de Bolsonaro.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Lunelli distribui R$ 12 milhões aos colaboradores, mesmo após ano desafiador

Lunelli distribui R$ 12 milhões aos colaboradores, mesmo após ano desafiador
Economia

Preços de produtos industrializados sobem 3,36% em janeiro

Taxa é maior que índices de dezembro (0,39%) e janeiro de 2020 (0,35%)
Preços de produtos industrializados sobem 3,36% em janeiro
Polícia

Polícia apreende carga de camarão contrabandeado na BR 101, em Garuva

A carga contrabandeada era transportada sem refrigeração adequada e sem nenhum tipo de documentação
Polícia apreende carga de camarão contrabandeado na BR 101, em Garuva
Economia

Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias

Litro da gasolina ficou R$ 0,12 mais caro (4,8%)
Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias
Ver mais de Economia