ECONOMIA

Líder do PSL na Câmara diz que PEC da Desvinculação não tira foco da Previdência

11 Mar 2019 - 16h47Por Mariana Haubert e Camila Turtelli

O líder do PSL na Câmara, delegado Waldir (GO), afirmou nesta segunda-feira, 11, que a sua bancada parlamentar ficou "muito animada" com a sinalização dada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, de que pretende apresentar uma proposta para viabilizar um novo pacto federativo. Para ele, a iniciativa não atrapalhará a aprovação da reforma da Previdência.

"O pacto federativo é uma demanda importante, mas que não era esperada para este momento. Nos deixou bastante animados com essa sinalização porque vai acabar com essa história do político ficar sempre com o pires na mão", disse, em referência à chamada PEC do Novo Pacto Federativo ou PEC da Desvinculação, como também vem sendo chamada.

Em entrevista ao Estado neste domingo, 10, Guedes afirmou que o governo articula a tramitação de uma proposta de emenda à Constituição para acabar com as despesas obrigatórias e as vinculações orçamentárias. De acordo com o ministro, a proposta dará aos políticos 100% do controle sobre os orçamentos da União, Estados e municípios.

A ideia de Guedes é apresentar a proposta ao Senado ao mesmo tempo em que a Câmara analisa a reforma da Previdência. Questionado sobre se as duas medidas não dividiriam esforços, Waldir afirmou que "não se pode subestimar a capacidade do Congresso".

"Essa proposta é um tiro de canhão porque mostra que o governo está comprometido com a defesa de um estado liberal e dá um grande protagonismo para o Parlamento. É uma demonstração de confiança no Congresso e não tira o foco da Previdência", disse. Para o líder do maior partido da Câmara, as duas propostas - reforma da Previdência e Novo Pacto Federativo - podem ser aprovadas ainda no primeiro semestre deste ano.

O líder, no entanto, evitou avaliar a contagem de votos apresentada por Paulo Guedes. De acordo com o ministro, faltariam apenas 48 deputados para se atingir o número mínimo de votos, que são 308 na Câmara. "Eu sou ruim de matemática. Não estou fazendo essa contagem", afirmou Waldir.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado

Segundo Talita Beber, presidente da CDL Jaraguá do Sul, o comércio local está preparado com promoções, ações de vendas casadas e, com foco na segurança por causa da pandemia
Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado
Economia

Governo do Estado institui o Auxílio Catarina

Benefício emergencial será destinado a mais de 60 mil famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica no estado
Governo do Estado institui o Auxílio Catarina
Economia

Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia

O investimento do Executivo será superior a R$ 37 milhões, com recursos já garantidos no orçamento
Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia
Economia

Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp

Instituição financeira cooperativa oferece nova opção de transferência para os associados por meio de parceria com o Facebook
Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp
Ver mais de Economia