ECONOMIA

Juros oscilam ao redor da estabilidade com dólar fraco e chegada da reforma

20 Fev 2019 - 11h10Por Silvana Rocha

Os juros futuros operam perto dos ajustes anteriores, com viés de alta, em à perda de força do dólar à vista na manhã desta quarta-feira, 20, decorrente da chegada do presidente Jair Bolsonaro à Câmara para entregar a PEC da reforma da Previdência.

Às 9h43, o contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para janeiro de 2021, o mais negociado, indicava 7,00%, ante 6,99% do ajuste anterior. O DI para janeiro de 2023 estava a 8,09%, ante 8,06% no ajuste anterior. Já o dólar registrava mínima, a R$ 3,7114 (-0,13%).

Também nesta quarta o ministro da Economia, Paulo Guedes, se reúne com governadores, e outros membros do Ministério concederam coletiva para falar da reforma, às 10h15.

Mais cedo, o Índice de Confiança da Indústria (ICI) apurado na prévia da sondagem de fevereiro da Fundação Getulio Vargas (FGV) teve um avanço de 0,9 ponto em relação ao dado fechado de janeiro, para 99,1 pontos. O resultado representa o maior patamar desde agosto de 2018.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Auxílio emergencial é pago a beneficiários do Bolsa Família com NIS 2

Parcela varia de R$ 150 a R$ 375, dependendo do beneficiário
Auxílio emergencial é pago a beneficiários do Bolsa Família com NIS 2
Economia

Caixa sorteia R$ 30 milhões da Dupla-Sena da Páscoa neste sábado

Apostas podem ser feitas até as 19h
Caixa sorteia R$ 30 milhões da Dupla-Sena da Páscoa neste sábado
Economia

WEG anuncia novos investimentos em Minas Gerais

Com uma nova fábrica de Eletrocentros em Betim, companhia pretende fortalecer sua posição em um dos mais importantes mercados de equipamentos elétricos industriais e para geração de energia do país
WEG anuncia novos investimentos em Minas Gerais
Economia

Petrobras aumenta preços do diesel e da gasolina nas refinarias

Litro do diesel passará a custar R$ 2,76, e o da gasolina, R$ 2,64
Petrobras aumenta preços do diesel e da gasolina nas refinarias
Ver mais de Economia