ECONOMIA

Juros iniciam em queda com leitura de inflação comportada após ata e IPCA-15

26 Mar 2019 - 11h07Por Karla Spotorno

Os juros futuros iniciaram a sessão desta manhã após a ata do Comitê de Política Monetária (Copom) deixar aberta a possibilidade de corte da taxa básica de juros, ainda que a sinalização seja para Selic estável. Além disso, o mercado gostou da sinalização do governo de que irá se esforçar a partir de agora para a aprovação da reforma da Previdência. Segundo apuração de ontem do Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), o presidente Jair Bolsonaro pediu "foco na Previdência" e "pacificação no Congresso".

Mais cedo, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - 15 (IPCA-15) de março. Apesar de ter subido 0,54% ante 0,34% em fevereiro e de ter ficado acima da mediana projetada (0,50%), o indicador de inflação mostrou arrefecimento dos serviços subjacentes.

Segundo a Guide Investimentos, a média dos núcleos, o grupo serviços e os serviços subjacentes tiveram resultados menores na comparação com fevereiro a despeito da aceleração na taxa do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - 15 (IPCA -15) de março. Segundo ressaltou um trader, "a inflação segue em níveis bastante confortáveis".

Às 9h21, o DI para janeiro de 2020 estava em 6,435%, de 6,450% de ontem. O DI para janeiro de 2021 marcava para 7,00%, de 7,02%, enquanto o vencimento para janeiro de 2023 exibia 8,16%, de 8,17% no ajuste anterior. Já o DI para janeiro de 2025 estava em a 8,73%, de 8,76% no ajuste de sexta-feira.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado

Segundo Talita Beber, presidente da CDL Jaraguá do Sul, o comércio local está preparado com promoções, ações de vendas casadas e, com foco na segurança por causa da pandemia
Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado
Economia

Governo do Estado institui o Auxílio Catarina

Benefício emergencial será destinado a mais de 60 mil famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica no estado
Governo do Estado institui o Auxílio Catarina
Economia

Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia

O investimento do Executivo será superior a R$ 37 milhões, com recursos já garantidos no orçamento
Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia
Economia

Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp

Instituição financeira cooperativa oferece nova opção de transferência para os associados por meio de parceria com o Facebook
Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp
Ver mais de Economia