ECONOMIA

Juros fecham em alta com piora do risco político, mas longe das máximas

21 Mar 2019 - 19h03Por Denise Abarca

Os juros futuros devolveram, a partir da última hora da sessão regular, parte do estresse causado pela prisão do ex-presidente Michel Temer e do ex-ministro Moreira Franco, nesta quinta-feira, 21, mas ainda assim as taxas de longo prazo encerraram com avanço importante, dada a piora da percepção do risco político. Os juros curtos terminaram apenas com viés de alta. Declaração do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), nesta tarde de que a prisão de Temer não traz consequências para a reforma da Previdência ajudou a aliviar a tensão, num dia em que, se dependesse apenas do exterior, positivo, o movimento das taxas seria para baixo. A repercussão do comunicado do Comitê de Política Monetária (Copom) acabou ofuscada pelos eventos políticos.

O contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para janeiro de 2020 fechou com taxa de 6,55%, de 6,325% ontem no ajuste, e a do DI para janeiro de 2021 passou de 6,851% para 6,87%. A taxa do DI para janeiro de 2023 subiu de 7,862% para 7,94%. A do DI para janeiro de 2025 encerrou em 8,49%, de 8,391%.

As taxas com vencimento de 2023 em diante terminaram o dia com avanço em torno de 10 pontos-base, após terem subido mais de 20 pontos no pico de estresse após a notícia das prisões. A informação da prisão de Temer veio no final da manhã com o mercado já de mau humor pela reação negativa à proposta de reforma da carreira dos militares que chegou ao Congresso e que na quarta mesmo já pressionava as taxas na etapa estendida.

A notícia veio à tona por volta das 11h20, ou seja com o leilão de títulos prefixados do Tesouro em andamento, o que, para os profissionais da renda fixa, pode ter contribuído para que a oferta não fosse colocada integralmente.

De acordo com a força-tarefa da Lava Jato no Rio, Temer recebeu R$ 1.091.000 em propina da Engevix, no final de 2014, segundo o pedido de prisão autorizado pelo juiz Marcelo Bretas. A investigação está relacionada a obras da usina Angra 3. Já o ex-ministro das Minas e Energia Moreira Franco era o encarregado da 'intermediação' das propinas ao ex-presidente. Moreira Franco é casado com a sogra de Rodrigo Maia, figura central na tramitação da reforma da Previdência na Câmara.

Com as prisões, o mercado reviveu o chamado "Joesley Day", em maio de 2017, quando foi divulgado o áudio comprometedor das conversas entre Temer e o executivo da JBS Joesley Batista, estancando o andamento da reforma da Previdência.

Sobre as prisões, o trader de renda fixa da Quantitas Asset Matheus Gallina diz que ajudam a tumultuar ainda mais um ambiente que precisa de organização. "A negociação da Previdência exige um certa ordem e esse fato pode desviar ainda mais o foco", disse, lembrando que o clima já era de apreensão por causa da proposta para os militares e pelo imbróglio envolvendo a falta de definição sobre a relatoria da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Contudo, Rodrigo Maia disse ao Broadcast Político. sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, que a prisão de Temer não deve atrapalhar a reforma. Pró-forma ou não, a declaração ajudou a acalmar um pouco o mercado. "Trouxe um maior equilíbrio depois da zerada de posições", disse Gallina.

Quanto ao comunicado do Copom, a melhora no balanço de riscos para a inflação trazida pelo comunicado chegou a produzir algum alívio no chamado miolo da curva, nos DIs entre 2020 e 2021, pela manhã, reduzindo a precificação de alta da Selic no ano que vem. "Mas depois a prisão de Temer bagunçou o efeito do Copom", disse Gallina.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado

Segundo Talita Beber, presidente da CDL Jaraguá do Sul, o comércio local está preparado com promoções, ações de vendas casadas e, com foco na segurança por causa da pandemia
Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado
Economia

Governo do Estado institui o Auxílio Catarina

Benefício emergencial será destinado a mais de 60 mil famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica no estado
Governo do Estado institui o Auxílio Catarina
Economia

Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia

O investimento do Executivo será superior a R$ 37 milhões, com recursos já garantidos no orçamento
Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia
Economia

Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp

Instituição financeira cooperativa oferece nova opção de transferência para os associados por meio de parceria com o Facebook
Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp
Ver mais de Economia