ECONOMIA

Inflação anual da zona do euro desacelera a 1,4% em janeiro, confirma revisão

22 Fev 2019 - 08h10

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) da zona do euro subiu 1,4% na comparação anual de janeiro, perdendo força em relação ao aumento de 1,6% verificado em dezembro, segundo dados finais divulgados hoje pela agência de estatísticas da União Europeia, a Eurostat. O resultado de janeiro confirmou a estimativa prévia e veio em linha com a projeção de analistas consultados pelo Wall Street Journal.

A leitura final deixou a inflação na zona do euro mais distante da meta do Banco Central Europeu (BCE), que é de uma taxa ligeiramente inferior a 2%.

Em relação a dezembro, o CPI da região teve queda de 1% em janeiro. Neste caso, a projeção do mercado era de declínio de 1,1%.

Apenas o núcleo do CPI do bloco, que exclui os preços de energia e de alimentos, caiu 1,5% em janeiro ante o mês anterior, mas registrou acréscimo de 1,1% na comparação anual. Fonte: Dow Jones Newswires.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado

Segundo Talita Beber, presidente da CDL Jaraguá do Sul, o comércio local está preparado com promoções, ações de vendas casadas e, com foco na segurança por causa da pandemia
Lojas de Jaraguá ficam abertas até 17h neste sábado
Economia

Governo do Estado institui o Auxílio Catarina

Benefício emergencial será destinado a mais de 60 mil famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica no estado
Governo do Estado institui o Auxílio Catarina
Economia

Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia

O investimento do Executivo será superior a R$ 37 milhões, com recursos já garantidos no orçamento
Governo do Estado propõe auxílio emergencial para amenizar efeitos da pandemia
Economia

Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp

Instituição financeira cooperativa oferece nova opção de transferência para os associados por meio de parceria com o Facebook
Sicredi disponibiliza opção de pagamentos no WhatsApp
Ver mais de Economia