Delivery Much
ECONOMIA

Greve dos caminhoneiros pode levar PIB a crescer só 0,77% em 2019, diz Necton

18 Abr 2019 - 14h54Por Caio Rinaldi

A lentidão da atividade econômica neste início de ano, frustrando analistas e provocando revisões para baixo das estimativas para o resultado do Produto Interno Bruto (PIB), pode sofrer um golpe adicional, caso os caminhoneiros façam uma paralisação do mesmo alcance da greve do ano passado, avalia o economista-chefe da Necton, André Perfeito.

"O potencial estrago de uma greve dos caminhoneiros no PIB do segundo trimestre poderia levar a economia brasileira a míseros 0,77% de alta neste ano", indica o economista, em nota a clientes.

A Necton revisou para baixo a projeção de alta do PIB do primeiro trimestre, de 0,28% para 0,15%, o que leva o PIB fechado do ano a uma alta de 1,06%, relata Perfeito. "Para atingirmos 1,06%, projetamos alta de 0,28% no segundo trimestre, seguido de altas de 0,4% e 0,5%, respectivamente", explica, antes de detalhar o impacto potencial de uma nova paralisação.

"Em 2018, o efeito da greve aconteceu no final de maio, castigando fortemente o PIB industrial", lembra o economista, citando a desaceleração do PIB, de 0,41% no primeiro trimestre para 0,05% no trimestre seguinte à paralisação. "Assumindo de forma bastante conservadora que o efeito nas Contas Nacionais seja 30% menor do que o registrado em 2018 e que após o choque o PIB volte a crescer, o indicador do segundo trimestre recuaria 0,15% e depois subiria 0,4% e 0,5% (mesmo ritmo do cenário base), o PIB fecha 2019 em 0,77%", calcula Perfeito.

O economista-chefe da Necton aponta ainda que, por mais que faltem sinais e movimentações mais sérias dos caminhoneiros em relação a uma possível greve, ao menos por ora, "a queda da atividade seria abrupta o suficiente para forçar o BC a cortar os juros já neste ano".

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Guias do IPTU 2021 de Jaraguá devem ser enviadas pelo correio até 10 de fevereiro

Guias do IPTU 2021 de Jaraguá devem ser enviadas pelo correio até 10 de fevereiro
Geral

Santa Catarina exigirá rastreabilidade do leite para dar mais segurança ao consumidor

Na prática, os estabelecimentos que recebem leite ou processam leite cru refrigerado terão que rastrear toda a matéria-prima e solicitar os exames de brucelose e tuberculose dos bovinos de seus fornecedores
Santa Catarina exigirá rastreabilidade do leite para dar mais segurança ao consumidor
Geral

IPVA 2021: prazo para pagamento em cota única termina no dia 1º de fevereiro

O prazo para pagamento em três vezes sem juros terminou no último dia 10
Economia

Apostador de Fortaleza acerta os seis números sorteados na Mega-Sena

Os números sorteados neste sábado foram 02, 09, 34, 49, 51, 55
Apostador de Fortaleza acerta os seis números sorteados na Mega-Sena
Ver mais de Economia