Dia internacional das Mulheres
ECONOMIA

Governo de SP reduz reajuste de gás para clientes da Comgás a partir de março

22 Fev 2019 - 14h50Por Luciana Collet

O governo de São Paulo confirmou nesta sexta-feira, 22, a redução do reajuste de gás natural para os consumidores atendidos pela Comgás, a partir de 1º de março. Na quinta-feira, já havia circulado a informação de que as indústrias de São Paulo e a Comgás teriam acertado uma redução do reajuste médio sobre o gás natural industrial dos 35%, em média, anunciados no início do mês, para 23%. Nesta sexta, o governador João Doria (PSDB) anunciou a diminuição, na presença dos principais articuladores da negociação, como representantes dos setores químico, de vidro, cerâmica, além da concessionária.

Além da redução para a indústria, também haverá reajuste menor para consumidores residenciais; de 11% para 8%, clientes da cogeração, de 39% para 27%; e do GNV, de 40% para 28%.

O vice-governador do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia, comentou que uma portaria da agência reguladora estadual, Arsesp, deverá ser publicada nos próximos dias com os novos ajustes.

Durante o evento, representantes do governo aproveitaram para desautorizar a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), que divulgou uma nota sobre o acordo e se colocando como uma das líderes do processo de negociação.

Garcia classificou o anúncio da entidade como uma atitude de "surfar na onda alheia". "A Fiesp não teve nenhuma articulação", disse, destacando, por outro lado, as entidades setoriais Abiquim (indústria química), Abividro e Aspacer (Cerâmica e Revestimentos).

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Contribuinte pode destinar parte do IR para projetos sociais de Guaramirim

Todas as pessoas físicas podem fazer doações de recursos financeiros aos Fundos Municipais
Contribuinte pode destinar parte do IR para projetos sociais de Guaramirim
Economia

Aumento da gasolina também causa impacto no preço do etanol

Álcool acumula aumento de 21% desde janeiro
Aumento da gasolina também causa impacto no preço do etanol
Economia

Indústria brasileira cresce 0,4% de dezembro para janeiro

Setor teve expansão de 0,8% na média móvel trimestral
Indústria brasileira cresce 0,4% de dezembro para janeiro
Economia

Em nova coleção, Malwee aposta em versatilidade e moda atemporal

Marca apresenta peças atemporais como moletons, malhas texturizadas, calças jogger, jeans e tricôs clássicos para serem usados por vários invernos
Em nova coleção, Malwee aposta em versatilidade e moda atemporal
Ver mais de Economia