Joaçaba Pneus
ECONOMIA

Governador do RS anuncia 'apoio incondicional' à reforma da Previdência

27 Fev 2019 - 11h51Por Gustavo Porto e Bárbara Nascimento

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), anunciou nesta quarta-feira, 27, durante o 20º CEO Brasil 2019 Conference, do BTG Pactual, em São Paulo (SP), o "apoio incondicional" à reforma da Previdência, mesmo diante da crise financeira enfrentada pelo Estado. "O Rio Grade do Sul tem uma dificuldade fiscal profunda, com 40 anos de desajuste de receita e despesa, um déficit possível de R$ 22 bilhões", citou. "Temos R$ 12 bilhões de déficit na Previdência, metade da receita líquida da ICMS, crescendo R$ 1 bilhão ao ano, e, mesmo assim, o nosso apoio à reforma da Previdência é incondicional."

Leite avaliou que a reforma da Previdência evitará uma perspectiva de insolvência do País e Estados, com juros elevados e um efeito cíclico vicioso.

O governador gaúcho espera que a reforma seja acompanhada de outras e citou a aprovação, na terça-feira, na Assembleia Legislativa gaúcha, da emenda constitucional para acabar com licença prêmio a servidores e do tempo acumulativo de funcionários públicos para a contagem dessa licença, "gerando distorção nas remunerações".

Leite citou também que é "importante ter autoridade moral" e que entrou na Justiça contra o reajuste de 16% para desembargadores e procuradores. "Compartilhar os efeitos da crise é fundamental par que possamos avançar coletivamente", disse.

O governador gaúcho admitiu, no entanto, que cada deputado federal tem o mandato e que não tem condição de "mandar" no voto dos parlamentares, para que votem pela Reforma da Previdência.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Decisão sobre reajuste de bandeiras tarifárias deve sair até o dia 30

Aumento pode passar de 20%, diz diretor da Aneel
Decisão sobre reajuste de bandeiras tarifárias deve sair até o dia 30
Economia

Caixa antecipa pagamento de terceira parcela do auxílio emergencial

Novo calendário começa nesta sexta-feira, para nascidos em janeiro
Caixa antecipa pagamento de terceira parcela do auxílio emergencial
Economia

FIESC defende redução temporária do imposto de importação do aço

O insumo teve alta superior a 100% em 12 meses e tem impactado diversos setores, principalmente a construção e o metalmecânico
FIESC defende redução temporária do imposto de importação do aço
Economia

Sine de Santa Catarina tem 5.145 vagas de emprego abertas

Todas as vagas são para contratações efetivas, os pré-requisitos e a carga horária variam de acordo com o cargo.
Sine de Santa Catarina tem 5.145 vagas de emprego abertas
Ver mais de Economia