ECONOMIA

Faturamento real da indústria cai 2,0% em janeiro ante dezembro, diz CNI

01 Mar 2019 - 11h44Por Fabrício de Castro

Depois de subir 1,1% em dezembro, o faturamento industrial recuou em janeiro de 2019, conforme dados divulgados nesta sexta-feira, 1º de março, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Na comparação com o mês anterior - e excluindo os efeitos de calendário - o faturamento real das fábricas brasileiras cedeu 2,0% em janeiro deste ano.

A queda interrompe uma sequência de duas altas mensais consecutivas. Além disso, o volume faturado em janeiro pelo setor foi 0,2% inferior ao registrado no mesmo mês de 2018.

Já a quantidade de horas trabalhadas na indústria subiu 1,5% em janeiro ante dezembro. É o quarto mês consecutivo sem quedas, conforme a CNI. Em relação a janeiro de 2018, houve um avanço de 1,4% nas horas trabalhadas.

Capacidade

Em janeiro, a Utilização da Capacidade Instalada (UCI) no parque industrial brasileiro avançou 0,7 ponto porcentual, passando para 78,3%, de acordo com dado ajustado. Em relação a janeiro de 2018, houve alta de 0,2 ponto porcentual.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Mercado de energia solar cresce 70% e se posiciona como promissor e lucrativo no Brasil

Mercado de energia solar cresce 70% e se posiciona como promissor e lucrativo no Brasil
Economia

Pagamento do abono anual para segurados da Previdência é antecipado

Abono equivale ao 13º salário dos segurados
Pagamento do abono anual para segurados da Previdência é antecipado
Política

Administração de Schroeder presta contas dos primeiros 100 dias de gestão

Durante o encontro, os associados da Acias fizeram alguns questionamentos e foram prontamente esclarecidos
Administração de Schroeder presta contas dos primeiros 100 dias de gestão
Economia

Parceria entre WEG e Vale dá início a produção de eletrocentros em Minas Gerais

Contrato firmado entre WEG e Vale prevê o fornecimento de eletrocentros solares para implantação do Projeto Sol do Cerrado, um dos maiores parques de geração de energia fotovoltaica do Brasil
Parceria entre WEG e Vale dá início a produção de eletrocentros em Minas Gerais
Ver mais de Economia