vacina
ECONOMIA

Exportações da China sofrem queda inesperada em abril

08 Mai 2019 - 02h01

As exportações da China sofreram uma queda inesperada em abril, segundo números oficiais divulgados nesta quarta-feira, no último revés sofrido pela segunda maior economia do mundo.

Dados da Administração Geral de Alfândega mostram que as exportações chinesas medidas em dólares caíram 2,7% na comparação anual do mês passado, depois de avançarem 14,2% em março. Economistas consultados pelo The Wall Street Journal previam aumento de 1,8% nas exportações de abril.

As importações chinesas, por outro lado, subiram 4% em abril ante igual mês do ano passado, revertendo queda de 7,6% em março. Neste caso, a projeção de analistas era de redução de 2,7% nas compras externas.

Já o superávit comercial da China diminuiu de forma acentuada em abril, a US$ 13,84 bilhões, ficando bem abaixo do saldo positivo de US$ 33,63 bilhões previsto por economistas. Em março, o superávit chinês havia sido de US$ 32,64 bilhões. Fonte: Dow Jones Newswires.

Matérias Relacionadas

Economia

Responsável por 3,7% do PIB, setor de defesa é oportunidade para indústria de SC

Responsável por 3,7% do PIB, setor de defesa é oportunidade para indústria de SC
Geral

Senado aprova suspensão da dívida do RS com a União por três anos

Estado poderá direcionar R$ 23 bilhões para reconstrução
Senado aprova suspensão da dívida do RS com a União por três anos
Política

Governo indica Magda Chambriard para presidência da Petrobras

Ela substituirá Jean Paul Prates que pediu saída antecipada
Governo indica Magda Chambriard para presidência da Petrobras
Geral

Cresol promove Semana Nacional de Educação Financeira na região

Tema central será a Proteção Financeira, com foco em formas de o consumidor se prevenir contra golpes e fraudes financeiras.
Cresol promove Semana Nacional de Educação Financeira na região
Ver mais de Economia