ECONOMIA

EUA investigam processo de aprovação dos aviões 737 MAX, da Boeing

17 Mar 2019 - 22h39

O Departamento de Transportes dos Estados Unidos investiga a aprovação pela Administração de Aviação Federal (FAA, na sigla em inglês) dos aviões 737 MAX, da Boeing, segundo pessoas ligadas ao assunto. A apuração se concentra no sistema de segurança que tem sido implicado na queda de 29 de outubro da Lion Air que matou 189 pessoas, segundo fontes do governo. Autoridades do setor de aviação avaliam se um sistema pode ter tido um papel na queda de outra dessas aeronaves neste mês, da Ethiopian Airlines, que matou 157 pessoas.

Neste domingo, o ministro dos Transportes da Etiópia, Dagmawit Moges, afirmou que havia "claras semelhanças" entre os dois acidentes. Funcionários dos EUA advertiram que ainda é muito cedo para tirar conclusões, já que dados das caixas-pretas do avião que caiu na Etiópia precisam ainda ser analisados.

A investigação do Departamento de Transportes foi lançada após o acidente da Lion Air na Indonésia e é conduzida por seu inspetor-geral, que advertiu dois escritórios da FAA para que guardem arquivos de computador, segundo fontes ligadas ao tema. A apuração interna busca determinar se a agência usou padrões de design e análises de engenharia apropriados no certificado do sistema, conhecido como MCAS. Fonte: Dow Jones Newswires.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Entidades empresariais manifestam apoio ao decreto do Governo do Estado

Saúde

Jaraguá terá novas medidas contra covid-19 a partir de 1º de março

Medida terá validade por 15 dias
Jaraguá terá novas medidas contra covid-19 a partir de 1º de março
Saúde

Com novo decreto, Prefeitura de Jaraguá detalha restrições

O Governo do Estado publicou o Decreto 1.172 nesta sexta-feira (26) suspendendo o funcionamento de serviços não essenciais das 23h desta sexta-feira (26) até às 6h de segunda-feira (1º)
Com novo decreto, Prefeitura de Jaraguá detalha restrições
Saúde

Governo decreta fechamento de atividades não essenciais no fim de semana em SC

A decisão é mais uma medida do Executivo estadual para reforçar o enfrentamento ao coronavírus em um momento de agravamento da situação sanitária em Santa Catarina
Governo decreta fechamento de atividades não essenciais no fim de semana em SC
Ver mais de Economia