Delivery Much
ECONOMIA

Economia segue gradual, mas gradualismo esconde diferenças regionais, diz BC

24 Abr 2019 - 14h52Por André Ítalo Rocha, enviado especial

O chefe do Departamento Econômico do Banco Central (BC), Tulio Maciel, afirmou nesta quarta-feira, 24, que a economia brasileira mantém em 2019 a dinâmica gradual de crescimento observada desde 2017. No entanto, disse que esse gradualismo "esconde" comportamentos distintos nas regiões do País.

Segundo ele, as regiões Norte e Sul são as que mais têm contribuído para a retomada. No Nordeste, o destaque é a exploração de minério.

No Sul, a indústria tem puxado a atividade econômica, em especial a produção de veículos. O Sudeste tem seguido a média nacional, enquanto o Centro-Oeste apresenta volatilidade e o Nordeste é o mais lento.

"O Nordeste sofreu muito com o mercado de trabalho durante a crise, as taxas de desemprego subiram muito rapidamente, levando a um menor poder de compra e afetando o setor de serviços", avaliou Maciel. "O que tem ajudado o Nordeste é o setor agrícola", afirmou.

Maciel também comentou o aumento da informalidade do emprego como impulsionador da melhora do
mercado de trabalho no Brasil desde 2017. "É um fenômeno disseminado por todo o País, mas com intensidades diferentes em cada região. Trata-se de um movimento típico de pós-crise: há uma perda grande de emprego, a demanda cai e, com a retomada, o emprego é maior na informalidade", explica.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Obras de arte da duplicação da BR-280 são licitadas

Cinco empreiteiras participaram do processo licitatório, que compreende as obras de arte especiais do trecho - Ponte do Portal, Viaduto do Manne e elevado no bairro Avaí
Obras de arte da duplicação da BR-280 são licitadas
Economia

Vendas no comércio catarinense crescem 6,3% em novembro

O desempenho supera a média nacional de 4,1%. É a sexta taxa positiva consecutiva
Vendas no comércio catarinense crescem 6,3% em novembro
Economia

Santa Catarina registra crescimento de 11,1%, o segundo maior do país

O Estado apresentou resultado positivo em quatro indicadores da indústria no acumulado de 2020
Santa Catarina registra crescimento de 11,1%, o segundo maior do país
Economia

Dólar fecha com pequena queda, vendido a R$ 5,31

Bolsa caiu 1,44% em dia de ajustes
Dólar fecha com pequena queda, vendido a R$ 5,31
Ver mais de Economia