ECONOMIA

Consumidores esperam inflação de 5,4% em 12 meses a partir de dezembro, diz FGV

20 Dez 2018 - 07h32Por Fernanda Nunes

A mediana da inflação esperada pelos consumidores para os próximos 12 meses ficou em 5,4% em dezembro, ante 5,6% em novembro, informou nesta quinta-feira, 20, a Fundação Getulio Vargas (FGV), que divulgou o Indicador de Expectativa de Inflação dos Consumidores. Em relação a igual período do ano passado, houve recuo de 0,4 ponto porcentual no indicador.

"Os consumidores voltam a fazer previsões menores para a inflação nos próximos 12 meses, em linha com a tendência observada nas previsões de especialistas. Começar 2019 com as expectativas bem comportadas dos agentes econômicos é com certeza um estímulo adicional para o governo fazer as reformas necessárias no País", afirma Viviane Seda Bittencourt, coordenadora da Sondagem do Consumidor da FGV/IBRE, em nota oficial.

Na distribuição por faixas de inflação, 58,6% dos consumidores projetaram uma taxa dentro dos limites de tolerância da meta de inflação de 4,5% estabelecida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) para este ano, ou seja, de 3% a 6%. No mês anterior, esse porcentual era de 58,5% dos consumidores.

A proporção de consumidores indicando inflação abaixo do limite inferior de 3% subiu de 7,7% em novembro para 9,3% em dezembro.

A expectativa de inflação caiu para todas as faixas de renda em novembro, exceto para as famílias que recebem até R$ 2.100 mensais, que previu alta de 0,1 ponto porcentual de inflação. A desaceleração do indicador geral foi influenciada principalmente pela queda nas expectativas de inflação nas duas faixas de renda mais elevadas.

O Indicador de Expectativa de Inflação dos Consumidores é obtido com base em informações da Sondagem do Consumidor, que ouve mensalmente mais de 2,1 mil brasileiros em sete das principais capitais do País. Aproximadamente 75% dos entrevistados respondem aos quesitos relacionados às expectativas de inflação.

Matérias Relacionadas

Economia

Projeção de crescimento de Guaramirim atrai investimentos na construção civil

Com este desenvolvimento natural, impulsionado pela geração de vagas de emprego e importantes obras estruturais, o município também ganha um novo conceito de empreendimento, representado pelo Residencial Torres de Turim
Projeção de crescimento de Guaramirim atrai investimentos na construção civil
Economia

Sorteio da Quina de São João será neste sábado

Prêmio de R$ 170 milhões é o maior do concurso
Sorteio da Quina de São João será neste sábado
Economia

Banco Central nega possibilidade de golpe com Pix agendado

Segundo órgão, mensagem que circula na internet não passa de rumor
Banco Central nega possibilidade de golpe com Pix agendado
Economia

Governo deve anunciar prorrogação do auxílio nesta semana, diz Guedes

Ministro se reuniu com empresário na Fiesp, em São Paulo
Governo deve anunciar prorrogação do auxílio nesta semana, diz Guedes
Ver mais de Economia