transito
ECONOMIA

China promete retaliar, caso EUA levem adiante ameaça de tarifas na 6ªf

09 Mai 2019 - 05h47

O Ministério do Comércio da China divulgou comunicado nesta quinta-feira, no qual afirma que lamenta se os Estados Unidos levarem adiante novas tarifas nesta sexta-feira, mas promete retaliar caso isso se confirme. O governo de Pequim não deu detalhes sobre sua possível ação no caso, mas disse que tem mantido suas promessas nas negociações.

No domingo, o presidente americano, Donald Trump, anunciou que elevará de 10% a 25% as tarifas sobre US$ 200 bilhões em produtos chineses a partir desta sexta-feira e ameaçou o país com uma rodada extra de tarifas mais adiante. O governo de Pequim afirmou que será forçado a impor "as medidas necessárias", nesse caso.

Trump reclamou da dificuldade das negociações comerciais e disse que a China tentava recuar em compromissos assumidos anteriormente. Fonte: Associated Press.

Matérias Relacionadas

Economia

Após chuvas, Gramado tem mais de 500 hotéis e restaurantes fechados

Temporais e deslizamentos deixaram 1 mil desabrigados
Após chuvas, Gramado tem mais de 500 hotéis e restaurantes fechados
Política

Modal ferroviário é tema de debate na Assembleia Legislativa de Santa Catarina

Encontro foi proposto pelo deputado Antídio Lunelli, presidente da Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano da Alesc
Modal ferroviário é tema de debate na Assembleia Legislativa de Santa Catarina
Economia

Retrocesso econômico e revogação da desoneração da folha

O governo gasta mal e pretende economizar da pior forma ao atingir o próprio desenvolvimento com perspectiva de demissões
Retrocesso econômico e revogação da desoneração da folha
Economia

Receita abre consulta a maior lote de restituição do IR da história

Cerca de 5,6 milhões de contribuintes receberão R$ 9,5 bilhões
Receita abre consulta a maior lote de restituição do IR da história
Ver mais de Economia