ECONOMIA

China congela US$ 1,48 bilhão em ativos de plataformas de crédito P2P

18 Fev 2019 - 10h42

A polícia da China anunciou que congelou cerca de 10 bilhões de yuans (US$ 1,48 bilhão) em ativos de plataformas de crédito ponto a ponto (P2P), uma parte das quais foi fechada no ano passado em meio à desaceleração econômica e adoção de controles regulatórios mais severos.

Em comunicado, o Ministério de Segurança Pública disse que está investigando cerca de 380 plataformas P2P desde junho do ano passado. Mais de 100 executivos ou controladores dessas plataformas online fugiram ou desapareceram desde o início das investigações.

A polícia chinesa recuperou 62 suspeitos em 16 países e regiões, incluindo Tailândia e Camboja, segundo o comunicado.

O Ministério disse que manterá a ofensiva contra operações de financiamento ilegais na tentativa de recuperar as perdas de investidores. Fonte: Dow Jones Newswires.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Entidades empresariais manifestam apoio ao decreto do Governo do Estado

Saúde

Jaraguá terá novas medidas contra covid-19 a partir de 1º de março

Medida terá validade por 15 dias
Jaraguá terá novas medidas contra covid-19 a partir de 1º de março
Saúde

Com novo decreto, Prefeitura de Jaraguá detalha restrições

O Governo do Estado publicou o Decreto 1.172 nesta sexta-feira (26) suspendendo o funcionamento de serviços não essenciais das 23h desta sexta-feira (26) até às 6h de segunda-feira (1º)
Com novo decreto, Prefeitura de Jaraguá detalha restrições
Saúde

Governo decreta fechamento de atividades não essenciais no fim de semana em SC

A decisão é mais uma medida do Executivo estadual para reforçar o enfrentamento ao coronavírus em um momento de agravamento da situação sanitária em Santa Catarina
Governo decreta fechamento de atividades não essenciais no fim de semana em SC
Ver mais de Economia