Delivery Much
ECONOMIA

Bolsas da Europa fecham majoritariamente em alta, animadas por PIB dos EUA

26 Abr 2019 - 15h55Por Gabriel Wainer

As bolsas da Europa fecharam majoritariamente em alta nesta sexta-feira, 26, com todos os setores encerrando o pregão em território positivo, de olho no avanço inesperado de 3,2% do Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos e também no relatório de resultados do Deutsche Bank, o maior banco da Alemanha. O índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em alta de 0,22%, em 391,01 pontos.

Do outro lado do Atlântico, o crescimento da economia americana superou as expectativas e avançou 3,2% no primeiro trimestre deste ano, informou a primeira estimativa publicada nesta quinta pelo Departamento do Comércio. O resultado veio bem acima da mediana da projeção de analistas consultados pelo Projeções Broadcast, de alta de 2,2%, e desidrata levemente as preocupações com a desaceleração da economia americana, melhorando o humor dos investidores. Ao mesmo tempo, o avanço relativamente fraco nos gastos com consumo elevou apostas de corte de juros mais adiante nos EUA.

Na Alemanha, antes da abertura do pregão, o Deutsche Bank divulgou seu balanço do primeiro trimestre deste ano e surpreendeu os operadores do mercado ao apresentar aumento de 67% em seu lucro líquido em relação ao mesmo período do ano passado, graças a esforços de redução de custos. Mesmo assim, as ações do banco encerraram em baixa de 1,85%, ainda na esteira do fim das conversas com o Commerzbank sobre uma possível fusão entre os dois maiores bancos da maior economia da Europa, que frustrou os mercados. Mesmo assim, na bolsa de Frankfurt, o índice DAX fechou em alta de 0,27%, em 12.315,18 pontos, com alta de 0,76% na comparação semanal.

Na bolsa de Londres, por outro lado, o índice FTSE 100 fechou em leve queda de 0,08%, em 7.428,19 pontos, com queda de 0,42% na semana, único mercado europeu a fechar no negativo, pressionado principalmente pelos papéis do Royal Bank of Scotland (RBS), que divulgou balanço que frustrou as expectativas dos analistas e encerrou o pregão em queda de 4,0%, a pior performance do dia. Além disso, a mineradora Glencore anunciou que a Comissão de Comércio de Futuros de Commodities dos EUA investiga se ela atuou com "práticas corruptas", o que levou o papel a recuar 3,30%.

Na esteira das commodities, o telefonema do presidente americano, Donald Trump, para a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) com o objetivo de baixar os preços do óleo afetou as petroleiras europeias, embora a notícia tenha sido veiculada pouco antes do fechamento do pregão local. O petróleo chegou a operar em queda de mais de 4,0%, pressionando os papéis da italiana Saipem, que fechou em queda de 3,59%, o pior desempenho da bolsa de Milão, que encerrou o pregão perto da estabilidade, com leve ganho de 0,08%, em 21.737,97 pontos, mas queda de 1,00% na semana.

Na bolsa de Paris, o índice CAC 40 fechou em alta de 0,21%, em 5.569,36 pontos, com queda de 0,20% na comparação semanal. Em Madri, o índice IBEX 35 avançou 0,05%, em 9.506,00 pontos, com baixa de 0,79% na semana. A melhor performance do dia ficou com Lisboa, cujo índice PSI 20 fechou em alta de 1,28%, em 5.420,07 pontos, com alta de 1,13% na comparação semanal.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Guias do IPTU 2021 de Jaraguá devem ser enviadas pelo correio até 10 de fevereiro

Guias do IPTU 2021 de Jaraguá devem ser enviadas pelo correio até 10 de fevereiro
Geral

Santa Catarina exigirá rastreabilidade do leite para dar mais segurança ao consumidor

Na prática, os estabelecimentos que recebem leite ou processam leite cru refrigerado terão que rastrear toda a matéria-prima e solicitar os exames de brucelose e tuberculose dos bovinos de seus fornecedores
Santa Catarina exigirá rastreabilidade do leite para dar mais segurança ao consumidor
Geral

IPVA 2021: prazo para pagamento em cota única termina no dia 1º de fevereiro

O prazo para pagamento em três vezes sem juros terminou no último dia 10
Economia

Apostador de Fortaleza acerta os seis números sorteados na Mega-Sena

Os números sorteados neste sábado foram 02, 09, 34, 49, 51, 55
Apostador de Fortaleza acerta os seis números sorteados na Mega-Sena
Ver mais de Economia