Delivery Much
ECONOMIA

Alimentação e bebidas têm variação nula no IPCA-15 de maio, diz IBGE

24 Mai 2019 - 12h21Por Vinicius Neder

O alívio nos preços dos alimentos marcou a desaceleração do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - 15 (IPCA-15), que passou de uma alta de 0,72% em abril para um avanço de 0,35% em maio, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O grupo Alimentação e Bebidas teve variação nula no IPCA-15 de maio, isso após um avanço de 0,92% em abril. Ainda assim, o subgrupo "alimentação fora" subiu 0,48%.

O alívio foi puxado pela "Alimentação no domicílio", que registrou deflação de 0,26%, após apresentar alta de 1,43% em abril.

Segundo o IBGE, os destaques na deflação dos alimentos comprados para consumo no domicílio foram o feijão carioca (-11,55%), as frutas (-3,08%) e as carnes (-0,52%). Apesar da deflação nos alimentos em geral, ainda sobem os preços do tomate (13,08%) e a batata-inglesa (4,12%).

Os grupos Artigos de residência (-0,36%) e Comunicação (-0,04%) tiveram deflação de abril para maio, contribuindo para a desaceleração do índice cheio.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Santa Catarina inicia colheita de pitaia

Santa Catarina já é o segundo maior produtor da fruta no Brasil
Santa Catarina inicia colheita de pitaia
Geral

Obras de arte da duplicação da BR-280 são licitadas

Cinco empreiteiras participaram do processo licitatório, que compreende as obras de arte especiais do trecho - Ponte do Portal, Viaduto do Manne e elevado no bairro Avaí
Obras de arte da duplicação da BR-280 são licitadas
Economia

Vendas no comércio catarinense crescem 6,3% em novembro

O desempenho supera a média nacional de 4,1%. É a sexta taxa positiva consecutiva
Vendas no comércio catarinense crescem 6,3% em novembro
Economia

Santa Catarina registra crescimento de 11,1%, o segundo maior do país

O Estado apresentou resultado positivo em quatro indicadores da indústria no acumulado de 2020
Santa Catarina registra crescimento de 11,1%, o segundo maior do país
Ver mais de Economia