Rouquidão é normal?

A voz rouca, se prolongada, requer atenção. Conheça mais sobre essa condição comum!

04 Fev 2020 - 16h00Por Marcio Freitas

Com certeza, alguma vez na vida você já deve ter perdido a voz. Isso pode ter acontecido após um show, festas com som alto ou em profissões que exigem demais da fala. O fato é que a rouquidão é uma situação que muda o tom e a qualidade da voz, em geral, alternando para um tom mais áspero. Outros sintomas, como cansaço ou dor ao falar, surgem também nesse período. 

A rouquidão representa um mau funcionamento da laringe, que é o órgão responsável pela passagem do ar para a traqueia e pulmões e pela emissão da voz. A laringe contém as cordas vocais, duas faixas de músculos e membranas que, vibrando, emitem o som. 

Na maioria dos casos, a rouquidão acontece após infecções respiratórias ou pelo uso inadequado da voz, que geram uma inflamação das cordas vocais. Porém, o problema pode se localizar em estrutura próxima, como vinda do esôfago no caso do refluxo de ácidos do estômago.

É importante diferenciar cada caso, pois se a voz rouca permanecer por muito tempo significa um sintoma anormal para o corpo. Ela pode ser sinal de doenças mais graves e requer atenção e cuidado. Não ignorar o incômodo e procurar ajuda médica especializada pode evitar sérios problemas à saúde. Fique atento!