Roma é o nome da nova Ferrari

Seu design retrô lembra modelos icônicos dos anos 60.

16 Nov 2019 - 08h30Por Rafael Benkendorf

Acaba de ser revelada na capital italiana a nova Ferrari com motor V8 turbo 3.9 de 620 cv de potência, 77,4 kgfm de torque e câmbio automático de 8 marchas. De zero a 100 km/h leva apenas 3,4 segundos, zero a 200 km/h em 9,3 segundos e chega aos de 320 km/h de máxima.

A marca definiu no lançamento que “Seu visual representa o estilo de vida contemporâneo, despreocupado e agradável que caracterizou Roma nas décadas de 1950 e 1960”. Seu design retrô lembra modelos icônicos dos anos 60. O capô tem elevações laterais e é marcado por um único vinco central. A grade inclinada, com desenho quadriculado, o para-choque preto, e o farol cortado por um filete de LED dão um aspecto agressivo na frente.

O estilo cupê dá forma a traseira com o para-choque em preto, quatro saídas de escape e as lanternas divididas em quatro faixas horizontais de LED com molduras também na cor preta. A Ferrari Roma tem 4,65 m de comprimento, 1,97 m de largura, 1,30 m de altura e 2,67 m de entre-eixos. Essa máquina feroz de cavalo rampante pesa 1.472 kg.

O couro premium predomina junto com materiais nobres no interior como o black piano e aço escovado. O volante multifuncional revestido em dois tipos de couro tem base achatada, o painel é totalmente digital, a tela da central multimídia é na vertical, e até o passageiro tem uma tela na horizontal para seus comandos. É um verdadeiro show de design e sofisticação. Quem sabe logo a gente não vê uma dessas por aqui na nossa terrinha tupiniquim.