terça, 25 de junho de 2019 - 14h38
(47) 3371-1010Central (47) 3372-1010Ao Vivo

Implante coclear devolve a audição a pacientes surdos

Em profundo silêncio. É assim que muitas pessoas vivem e, mesmo não sendo uma escolha própria, precisam se acostumar com a situação

11 Jun 2019 - 07h00Por Marcio Freitas

Em profundo silêncio. É assim que muitas pessoas vivem e, mesmo não sendo uma escolha própria, precisam se acostumar com a situação. Mas, para alguns, a tecnologia aliada à medicina tem reservado boas surpresas e, graças à colocação de um implante coclear, mais conhecido como ouvido biônico, é possível voltar a escutar os sons proporcionados pelo mundo ao redor.

De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), os problemas auditivos são mais comuns do que muitos pensam. Somente no Brasil, mais de 15 milhões de pessoas sofrem desse mal. O implante coclear pode devolver a capacidade de ouvir a uma parcela dessas pessoas. Ele é um dispositivo eletrônico de alta tecnologia que estimula eletricamente as fibras nervosas remanescentes do nervo auditivo, permitindo a transmissão do sinal elétrico, a fim de ser decodificado pelo cérebro.

Entretanto, nem todos os pacientes são aptos ao procedimento, pois ele é indicado em casos específicos. Em adultos com idade superior a 18 anos, um dos pré-requisitos é não ter benefício com o uso de aparelho de amplificação sonora individual. Ou seja, eles devem apresentar escores inferiores a 40% em testes de reconhecimento de sentenças do dia a dia.

Quem pode usar o implante coclear
Adultos
- Idade superior a 18 anos com deficiência auditiva neurossensorial pós-lingual bilateral severa ou profunda;
-Não ter benefício com o uso de aparelho de amplificação sonora individual;
- Tempo de surdez inferior à metade da idade do candidato (em deficiências auditivas progressivas não há limite de tempo);
- Em casos de deficiência auditiva pré-lingual há benefício limitado, porém, o procedimento só é indicado em pacientes com fluência da linguagem oral e com compreensão desta limitação;
- Adequação psicológica e motivação para o uso do implante coclear.

Crianças
- Idade até 17 anos com deficiência auditiva neurossensorial bilateral severa ou profunda;
- Preferencialmente, indica-se o implante coclear em deficiência auditiva pré-lingual até os seis anos de idade (a idade ideal é a partir de um ano);
- Adaptação prévia de aparelho auditivo e reabilitação auditiva intensiva para verificar se há benefício do dispositivo, principalmente, nas deficiências auditivas severas;
- Apresentar incapacidade de reconhecimento de palavras em "conjunto aberto";
- Estar inserido em famílias adequadas e motivadas para o uso do implante coclear.