quinta, 17 de janeiro de 2019 - 16h53
(47) 3271-1010Central (47) 3372-1010Ao Vivo

Brasil é um dos líderes mundiais de cirurgias plásticas

Entre as preferidas dos brasileiros estão a colocação de próteses mamárias e a lipoaspiração. O país também lidera quando o assunto é rinoplastia e abdominoplastia.

07 Nov 2018 - 10h06Por Josinaldo Martins

Sentir-se à vontade com o próprio corpo, assim como usufruir de bem-estar e saúde, é parte fundamental para quem quer ter dias mais felizes. Por isso, cada vez mais, cresce o número de pessoas que optam pelas cirurgias plásticas. 

Segundo a International Society of Aesthetic Plastic Surgery, em 2013, foram realizados 23 milhões de procedimentos desse tipo em todo o mundo. Esse mesmo estudo indicou que o Brasil ocupa um lugar de destaque quando o assunto é cirurgia plástica: disputa com os Estados Unidos o posto de país com números mais relevantes. 

Entre as preferidas dos brasileiros estão a colocação de próteses mamárias e a lipoaspiração. O país também lidera quando o assunto é rinoplastia e abdominoplastia. Já na lista de procedimentos estéticos, o destaque fica por conta da aplicação da toxina botulínica. 

Independente do procedimento escolhido, a primeira consideração que os pacientes devem fazer é quanto à qualificação do profissional. Ele deve ser devidamente formado e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

No caso das próteses mamárias, por exemplo, apenas um cirurgião plástico capacitado poderá ajudar a escolher o tamanho ideal e dar orientações adequadas sobre o procedimento. A paciente deve optar pelo profissional com o qual tenha empatia para que se sinta confiante e segura antes, durante e após a cirurgia.

A mamoplastia de aumento, campeã de popularidade e muito requisitada no Brasil, é um procedimento individualizado e que deve ser feito para satisfação própria. Nunca faça por vontade de alguém ou para se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal. O mesmo ocorre com as demais cirurgias plásticas.

Apesar de muito comum, a colocação de prótese mamária requer alguns cuidados específicos. O procedimento só é indicado a mulheres fisicamente saudáveis e com expectativas realistas. Além disso, os seios devem estar totalmente desenvolvidos e a paciente insatisfeita quanto ao tamanho ou forma deles.