A Caoa Chery não para. Agora é a vez do Tiggo 8

O visual agrada bastante iniciando pela grade dianteira com detalhes cromados que conversa com os faróis full-LED

28 Ago 2020 - 10h52Por Rafael Benkendorf

O novo SUV de sete lugares da Caoa Chery está sendo vendido por R$ 156.900,00 e tem fila de espera de cerca de 40 dias. Com 4,70 m de comprimento ele se destaca diante de seus irmãos menores. O visual agrada bastante iniciando pela grade dianteira com detalhes cromados que conversa com os faróis full-LED. A montagem do Tiggo 8 tem peças alinhadas e é muito bem encaixada. Na traseira, as lanternas interligadas por uma única peça na tampa e iluminação em LEDs o que trazem uma característica de design bem atual.

O acabamento interior também tem bom padrão com plásticos, couro e materiais metálicos que se misturam com muito bom gosto. O painel de instrumentos digital, apesar de ter uma interface quase genérica, impressiona em um primeiro contato. O espaço interno é o que realmente faz a diferença. Há espaço para as pernas de um adulto, inclusive na terceira fileira, a pesar de não recomendada para viagens mais longas. A segunda fileira acomoda bem os três ocupantes, bem mais do que seus concorrentes.

O novo motor é um 1.6 turbo com injeção direta que traz 187 cv e 28 kgfm de torque incluindo um novo câmbio de dupla embreagem e 8 marchas. A explicação de todo esse sucesso é a junção do bom acabamento, design e espaço interno, além de bom pacote de equipamentos nessa versão única, por um preço de SUV médio de cinco lugares e menores. A primeira  impressão é muito boa. Geralmente é a que fica.  

Fotos: Motor1.com e divulgação