A arquitetura e o bem-estar

Para quem está pensando em construir ou reformar seu lar e espera conforto e bem-estar, será necessário projetar com carinho e atentar para aspectos muito importantes quanto aos materiais que serão utilizados.

25 Mar 2020 - 13h36Por Eixo 11 Arquitetura

Qual o melhor lugar para voltar? E em qual lugar nos sentimos bem e seguros? Com certeza a maioria das pessoas pensou sua casa, nosso “lar doce lar”! 

Para quem está pensando em construir ou reformar seu lar e espera conforto e bem-estar, será necessário projetar com carinho e atentar para aspectos muito importantes quanto aos materiais que serão utilizados.
Para o telhado e forro temos vários materiais que, dependendo do projeto e utilização, podem auxiliar no conforto térmico e acústico: 

- para telhado aparente, podemos usar as telhas de barro ou concreto; quando embutido, recomenda-se a utilização de telha termo acústicas do tipo “sanduiche” (miolo preenchido com isopor). 
- o forro pode ser de madeira, gesso ou PVC;

- mantas de isolamento possuem uma grande variedade de materiais como pet, vidro e isopor.
A laje, além de proteger a construção contra vazamentos no telhado, também é um importante elemento na manutenção da temperatura.

Quando falamos de pisos, os de madeira ou vinil dão uma sensação aconchegante a casa e também possuem propriedades térmico-acústicas.

As paredes externas também influenciam na temperatura do interior dos ambientes, exemplo as paredes voltadas para lado oeste (pôr-do-sol), que tendem a esquentar devido a maior exposição aos raios solares: elas podem ser projetadas para serem paredes duplas (com ou sem preenchimento), ou com proteção através de brises metálicos ou de madeira, ou proteção de vegetação natural caso seja possível. 

No caso das paredes internas, há o drywall, madeira, gesso ou alvenaria. 

A ventilação e a troca de ar em uma edificação são primordiais para a saúde da casa e de quem a habita. Em nossa região, o sentido do vento predominante é leste-oeste, sendo assim o projeto deve prever essa condição. 
Uma casa saudável e aconchegante possui muitos ambientes ensolarados, desde que na medida certa. Além de influenciar na umidade do ar, é possível reduzir o consumo de energia elétrica e se tornar uma construção amiga do planeta (sustentabilidade).

Você pode ter dentro da sua casa um jardim de inverno, espaço único de relaxamento com iluminação natural, móveis confortáveis, plantas e pedras. Sugestões de plantas que se dão muito bem nesses espaços são: a espada de São Jorge, costela de adão, jiboia, fênix, orquídeas, entre outras.