Imobiliária Coralli
Queda

Varejo teve queda de 0,6% em setembro, diz Serasa

07 Out 2016 - 11h36
Crédito caro e escasso, desemprego e inflação elevada estão desencorajando o consumidor a gastar em lojas. De acordo com o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, o varejo brasileiro teve recuo de 0,6% no mês de setembro em relação a agosto. A retração foi de 6,3% na comparação com o mesmo mês do ano passado, enquanto a queda acumulada no ano foi de 7,7%.

Entre as categorias pesquisadas, metade registrou queda na atividade varejista. O recuo mais acentuado ocorreu no segmento de tecidos, vestuário, calçados e acessórios, com retração de 1,9%. Em seguida, aparece o setor de combustíveis e lubrificantes, com queda de 1,5%, e, depois, veículos motos e peças, com retração de 1,2%. O segmento de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas teve balanço positivo, com 0,1% de avanço, enquanto móveis, eletroeletrônicos e equipamentos de informática registraram alta de 0,2%. O setor de material de construção permaneceu estável.

Quanto à queda acumulada de janeiro a setembro, a maior retração do gasto do consumidor ocorreu em veículos, motos e peças, segmento que registrou recuo de 14,5% em relação ao mesmo período do ano passado. O setor de tecidos, vestuário, calçados e acessórios teve a segunda maior queda, de 13,5%, seguido pelo de móveis, eletroeletrônicos e equipamentos de informática (12,6%). Somente o segmento de combustíveis e lubrificantes se manteve positivo, com alta de 3,5% em relação ao período acumulado de janeiro a setembro do ano passado.

 

As informações são da

Agência Estado

Matérias Relacionadas

Economia

Criação de empregos em setembro atinge melhor nível em dez anos

Caged diz que 249,3 mil postos de trabalho foram abertos no mês
Criação de empregos em setembro atinge melhor nível em dez anos
Saúde

“Jamais esteve sob análise privatizar o SUS”, diz Guedes

Ministro falou na audiência virtual da Comissão Mista do Congresso
“Jamais esteve sob análise privatizar o SUS”, diz Guedes
Economia

Déficit primário do Governo Central atinge R$76,16 bilhões em setembro

Resultado foi melhor que o esperado pelas instituições financeiras
Déficit primário do Governo Central atinge R$76,16 bilhões em setembro
Eleições 2020

Mato Grosso será o único estado a escolher um senador

Vaga foi aberta com cassação da senadora Selma Arruda
Mato Grosso será o único estado a escolher um senador
Ver mais de Brasil