GNet
Supremo

Renan Calheiros vira réu no Supremo pela primeira vez

02 Dez 2016 - 10h14
Por 8 votos a 3 , o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (1º) aceitar denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) em 2013 contra o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), pelo crime de peculato. Com a decisão, o senador se torna réu na Corte pela primeira vez.

Apesar de aceitar a denúncia por peculato, a Corte também entendeu, seguindo voto do relator, ministro Edson Fachin, que as acusações de falsidade ideológica e uso de documento falso prescreveram em 2015, oito anos depois de a infração ter sido cometida.

A Corte julgou nesta tarde denúncia na qual Renan é acusado de usar o lobista de uma empreiteira para pagar pensão a uma filha que teve fora do casamento. Ele também é acusado de ter adulterado documentos para justificar os pagamentos. O caso foi revelado em 2007. Na época, as denúncias levaram Renan a renunciar à presidência do Senado.

 

Agência Brasil
GNet

Matérias Relacionadas

Geral

Cervejaria Maestro é prata no Brasil Beer Cup 2021!

A competição reuniu mais de mil cervejas e 300 cervejarias do Brasil, México e Uruguai
Cervejaria Maestro é prata no Brasil Beer Cup 2021!
Esportes

Delegação de tiro esportivo de Jaraguá conquista título nacional no Rio de Janeiro

O evento ocorreu de 24 a 28 de novembro e reuniu 681 atletas de todo o Brasil para disputar as 65 disciplinas oferecidas,  totalizando 3.285 inscrições
Delegação de tiro esportivo de Jaraguá conquista título nacional no Rio de Janeiro
Saúde

Saiba as regras para a entrada de viajantes no Brasil

Documento foi publicado no Diário Oficial no sábado
Saiba as regras para a entrada de viajantes no Brasil
Geral

Lunender lança editorial com mulheres que inspiram a aceitação e autenticidade

Com histórias de superação, elas possuem condições que, por muito tempo, prejudicaram a autoestima de mulheres mundo afora
Lunender lança editorial com mulheres que inspiram a aceitação e autenticidade
Ver mais de Brasil