Imobiliária Coralli
Olimpíada

Queniano é ouro no 3.000m com obstáculos; brasileiro: 'Fiz milagre de chegar na final'

17 Ago 2016 - 15h50
O queniano conquistou a medalha de ouro no 3.000m com obstáculos, nesta quarta-feira, no Engenhão, batendo o recorde olímpico que durava 28 anos.

Kipruto venceu com o tempo de 8min03s28, baixando em mais de dois segundos a marca do compatriota Julius Kariuki (8min05s51).

 

A medalha de prata ficou com o norte-americano Evan Jager (8min04s28), e o bronze está também com o Quênia, Ezekiel Kemboi (8min08s47).

O brasileiro Altobeli da Silva acabou na décima colocação com o tempo de 8min26s30, sua melhor marca pessoal, mas reclamou da falta de investimento nas competições de meio fundo. "Eu fiz milagre de chegar na final", falou aoSporTV.

"Tem que olhar mais para as provas de meio fundo, que estão um pouco largadas. Com minhas forças, cheguei a uma final olímpica", disse o paulista de Catanduva.

Matérias Relacionadas

Geral

Evento online mostra que direcionar recursos a projetos sociais locais transforma comunidades

Evento online mostra que direcionar recursos a projetos sociais locais transforma comunidades
Segurança

PRF flagra papagaio silvestre preso em automóvel na BR 101 em Joinville

A ave, da espécie papagaio-verdadeiro, é nativa da fauna brasileira e protegida por lei
PRF flagra papagaio silvestre preso em automóvel na BR 101 em Joinville
Economia

Guedes prevê queda de 4% na economia este ano

Para o ministro, a atividade econômica está em recuperação no país
Guedes prevê queda de 4% na economia este ano
Esportes

Liga Nacional de Futsal: Fase de grupos se afunila

Na última semana, times confirmaram a boa fase, outros tropeçaram, alguns conseguiram se recuperar e há ainda quem, mesmo que a matemática não indique, poderá se classificar.
Liga Nacional de Futsal: Fase de grupos se afunila
Ver mais de Brasil