Caraguá
Olimpíada

Queniano é ouro no 3.000m com obstáculos; brasileiro: 'Fiz milagre de chegar na final'

17 Ago 2016 - 15h50
O queniano conquistou a medalha de ouro no 3.000m com obstáculos, nesta quarta-feira, no Engenhão, batendo o recorde olímpico que durava 28 anos.

Kipruto venceu com o tempo de 8min03s28, baixando em mais de dois segundos a marca do compatriota Julius Kariuki (8min05s51).

 

A medalha de prata ficou com o norte-americano Evan Jager (8min04s28), e o bronze está também com o Quênia, Ezekiel Kemboi (8min08s47).

O brasileiro Altobeli da Silva acabou na décima colocação com o tempo de 8min26s30, sua melhor marca pessoal, mas reclamou da falta de investimento nas competições de meio fundo. "Eu fiz milagre de chegar na final", falou aoSporTV.

"Tem que olhar mais para as provas de meio fundo, que estão um pouco largadas. Com minhas forças, cheguei a uma final olímpica", disse o paulista de Catanduva.

Matérias Relacionadas

Geral

Ambev confirma que vai aumentar preço da cerveja em outubro

Prepare o bolso. cervejaria Ambev vai aumentar o preço das cervejas a partir deste sábado (2)
Ambev confirma que vai aumentar preço da cerveja em outubro
Saúde

Saúde Ministério da Saúde orienta dose de reforço em idosos acima de 60 anos

Anúncio foi feito pelo ministro Marcelo Queiroga pelas redes sociais
Saúde
Ministério da Saúde orienta dose de reforço em idosos acima de 60 anos
Economia

WEG anuncia parceria com a Peugeot para venda de estações de recarga para veículos elétricos

O anúncio foi oficializado durante o lançamento do novo veículo elétrico da Peugeot
WEG anuncia parceria com a Peugeot para venda de estações de recarga para veículos elétricos
Economia

Petrobras é responsável por 34% do total do preço da gasolina

Não há mudança na política de preços da empresa, diz presidente
Petrobras é responsável por 34% do total do preço da gasolina
Ver mais de Brasil