INSS

Pente fino do INSS cancela 80% dos auxílios-doença já avaliados

14 Out 2016 - 11h45
O governo cancelou 80% dos benefícios analisados no primeiro mês da operação pente-fino em auxílio-doença e aposentadoria por invalidez concedidos pelo INSS. Segundo balanço divulgado pela Associação Nacional dos Médicos Peritos do INSS (ANMP), os 20% dos casos que estavam de acordo com as normas foram transformados em aposentadoria por invalidez.

Iniciada em setembro, a operação está realizando uma revisão de benefícios concedidos que estavam há mais de dois anos sem passar por perícia. Estão nessa situação 530 mil pessoas que recebem auxílio-doença e 1,1 milhão de aposentados por invalidez. Segundo a ANMP, só foram analisados até agora 5.000 casos de auxílio-doença.

A principal constatação é que metade dos segurados que passaram pela revisão estavam trabalhando e contribuindo com a Previdência, o que não é permitido. A análise também detectou que 20% dos envolvidos nunca contribuíram com a Previdência ou não atingiram o número mínimo de contribuições necessário para ter direito ao benefício.

 

As informações são do

Jornal O Globo

Matérias Relacionadas

Futebol

Fluminense avança e Vasco é eliminado da Taça Rio

Apesar da má atuação a equipe de Odair Hellmann garantiu a liderança do Grupo B
Fluminense avança e Vasco é eliminado da Taça Rio
Geral

Bolsonaro vai sobrevoar regiões atingidas por ciclone

O governador de Santa Catarina Carlos Moisés confirmou que vai decretar estado de calamidade pública no estado por conta dos estragos.
Bolsonaro vai sobrevoar regiões atingidas por ciclone
Saúde

Covid-19: país tem 61,8 mil mortes e 1,49 milhão de casos confirmados

Até o momento, 852 mil pessoas se recuperaram da doença
Covid-19: país tem 61,8 mil mortes e 1,49 milhão de casos confirmados
Futebol

Flamengo e Botafogo avançam às semifinais da Taça Rio

Dupla aguarda definição dos adversários nesta quinta
Flamengo e Botafogo avançam às semifinais da Taça Rio
Ver mais de Brasil