Futebol

Palmeiras tenta superar desfalques e manter invencibilidade contra o Santos

12 Jul 2016 - 15h37
O duelo valerá pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro e foi remarcado para esta semana a pedido do time alviverde, líder da competição nacional.

ontra o Santos, o Palmeiras obteve duas vitórias e um empate em sua arena. Foi com um dos triunfos, inclusive, que a equipe alviverde garantiu o título da Copa do Brasil de 2015. A disputa do troféu fez com que a rivalidade entre os times chegasse ao nível mais alto nos últimos anos.

 

"No ano passado virou algo mais forte. Esse clássico é diferente, então a preparação precisa ser dobrada. Temos que entrar mais concentrados, ligados e determinados. Claro que todo jogo é uma decisão, não ganharemos o campeonato amanhã. Mas podemos dar um grande passo e ficar mais confiantes se vencermos esse jogo", disse Jean.

Sob o comando de Cuca, o Palmeiras também melhorou o rendimento no Allianz e mantém uma campanha com 100% de aproveitamento no Brasileirão. Foram seis vitórias conquistadas em sete partidas como mandante - o triunfo por 4 a 3 contra o Grêmio ocorreu no Pacaembu.

O desempenho em casa é um dos fatores que fazem do Palmeiras o líder da Série A. O time está com 28 pontos e ocupa a primeira colocação graças ao saldo de gols superior ao do rival Corinthians, que venceu a Chapecoense por 2 a 0, no sábado, e se manteve no segundo lugar.

Para vencer o Santos, contudo, o Palmeiras terá de superar a extensa lista de desfalques para esta rodada. Artilheiro do Brasileirão, com 10 gols, Gabriel Jesus cumprirá suspensão por ter recebido o terceiro cartão amarelo na vitória por 3 a 1 sobre o Sport, na última segunda-feira. Também estão suspensos do clássico o volante Thiago Santos e o atacante Róger Guedes.

O versátil Tchê Tchê apresentou uma contusão no duelo contra o Sport e deve ser vetado. Com isso, Jean cumpriria uma função mas estática na lateral direita. No meio-campo, Moisés vem fazendo tratamento para uma lesão e é dúvida. Arouca e Matheus Sales podem surgir como novidades na formação titular do Palmeiras.

Dudu, que se livrou de uma fadiga muscular, retomará a posição no setor ofensivo, enquanto Lucas Barrios ganhará uma nova chance de Cuca. Já o atacante Leandro Pereira foi regularizado pelo clube e poderá ser uma alternativa para o segundo tempo.

O Santos chega para o clássico pressionado pela sua situação na tabela de classificação. O time viu a concorrência ir bem na rodada e agora está fora do G-4, na sexta colocação. Se quiser voltar imediatamente para o bloco de cima, a equipe terá que ao menos empatar na arena do rival.

O feito será desafiador para o clube. Além de nunca ter vencido no local, o Santos só marcou um gol no estádio palmeirense, na final da Copa do Brasil do ano passado, com Ricardo Oliveira. Em todas as partidas, os anfitriões nunca estiveram atrás no placar.

O retrospecto desfavorável fez o técnico Dorival Júnior adotar um discurso conservador na véspera do duelo. "Nem uma vitória nos coloca como candidato real [ao título] e nem uma derrota nos tira a chance. Qualquer resultado não define o campeonato", disse o treinador.

O treinador só mudou de comportamento na última atividade do time antes do jogo, quando as portas do CT Rei Pelé foram fechadas. Dessa vez, Dorival não antecipou a escalação de seu time, algo que raramente ocorreu desde que reassumiu o clube, há um ano. Com o mistério, ele manteve em aberto a possibilidade de aproveitar o colombiano Copete entre os titulares, no lugar de Vitor Bueno.

FICHA TÉCNICA:
PALMEIRAS X SANTOS


Local: Estádio Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data: 12 de julho de 2016, terça-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Auxiliares: Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (ambos de SP)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Mina, Vitor Hugo e Zé Roberto; Matheus Sales, Arouca (Moisés) e Cleiton Xavier; Erik, Dudu e Lucas Barrios. Técnico: Cuca

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno (Copete), Gabriel e Rodrigão. Técnico: Dorival Júnior

 

Matérias Relacionadas

Brasil

Planta unha-de-gato pode combater tumores, descobrem cientistas brasileiros

A planta está na lista medicinal do SUS há mais de 10 anos
Planta unha-de-gato pode combater tumores, descobrem cientistas brasileiros
Educação

Carregador de celular com energia solar é criado por alunos de 13 anos

Bruno Henrique Muniz Meira e Gabriel Guimarães Prates, ambos com 13 anos, estudam no 8º ano da Escola Estadual João Arruda Brasil
Carregador de celular com energia solar é criado por alunos de 13 anos
Geral

Brasileira selecionada para missão espacial poderá ser 1ª astronauta do país

Dos seis jovens escolhidos, entre profissionais de várias nacionalidades, cinco são mulheres
Brasileira selecionada para missão espacial poderá ser 1ª astronauta do país
Economia

Reforma tributária elevará PIB do país

Os economistas Bernard Appy e Paulo Rabello de Castro apresentaram propostas de reforma tributária, defenderam a simplificação do sistema atual e destacaram que a reforma vai elevar o Produto Interno Bruto (PIB) do país.
Reforma tributária elevará PIB do país
Ver mais de Brasil