Brasil

Mulheres rurais se destacam em diferentes atividades e buscam acesso a direitos

O protagonismo das mulheres rurais reflete a diversidade da atuação feminina em campo.

18 Abr 2019 - 08h15Por Ministériao da Agricultura

Pescadoras, agricultoras, poetisas, artesãs, embaixadoras, extrativistas, indígenas e quilombolas. O protagonismo das mulheres rurais reflete a diversidade da atuação feminina em campo. Antes vistas meramente como ajudantes, as trabalhadoras rurais têm se destacado em diferentes etapas da produção de alimentos e outros produtos que geram rendas e desenvolvimento.

Dar visibilidade ao trabalho dessas mulheres é o principal objetivo da 4 ª edição da campanha #Mulheres Rurais, Mulheres com Direitos, lançada na terça-feira (16) pela Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), em parceria com a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO). A campanha deste ano tem como tema “Pensar em igualdade, construir com inteligência, inovar para mudar”.

O eixo condutor da iniciativa é a importância de valorizar os direitos das mulheres rurais e promover condições para o fim da desigualdade de gênero, da fome e da pobreza rural.  A campanha também visa estimular a adoção de medidas que facilitem o acesso delas ao crédito e a recursos de inovação. Durante o lançamento, o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo, Fernando Schwanke, destacou que o empoderamento da mulher rural promoveu mudanças ao longo das últimas décadas na autonomia e na autoestima delas.

Schwanke afirmou que a secretaria vai desenvolver ações que valorizem o papel das trabalhadoras rurais. Entre as iniciativas, está o fortalecimento de cadeias produtivas curtas, ampliação da participação da agricultura familiar na oferta de alimentos para a merenda escolar. O secretário citou também a possibilidade de desenvolver ações de estímulo à assistência técnica e acesso ao crédito para as mulheres do campo.

A mobilização ocorrerá até o mês de dezembro com atividades que destacam o papel das mulheres rurais, indígenas e afrodescendentes na produção sustentável de alimentos saudáveis e nutritivos.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Matérias Relacionadas

Economia

Reforma da Previdência é promulgada pelo Congresso

Economia

Bolsonaro assina medida provisória que extingue o Dpvat

Geral

Grupo Malwee é reconhecido como uma das empresas mais sustentáveis do Brasil

O Grupo Malwee, uma das maiores empresas de moda do país, foi reconhecido pela segunda vez, como uma das empresas mais sustentáveis do Brasil pelo Guia Exame de Sustentabilidade 2019.
Grupo Malwee é reconhecido como uma das empresas mais sustentáveis do Brasil
Educação

MEC levará internet a 24,5 mil escolas públicas

De acordo com a pasta, isso significa que 56% das escolas públicas passarão a estar conectadas no país. A medida deverá beneficiar 11,6 milhões de estudantes
MEC levará internet a 24,5 mil escolas públicas
Ver mais de Brasil