Juros

Mercado vê corte menor de juros no fim do mês

14 Nov 2016 - 12h04
Após a vitória do candidato republicano na eleição dos Estados Unidos, Donald Trump, que trouxe nervosismo aos mercados, os economistas dos bancos passaram a estimar uma queda menor dos juros na última reunião do Comitê de Política (Copom) do Banco Central deste ano, marcada para o final de novembro.

Até então, a estimativa da maior parte dos analistas era de uma redução de 0,50 ponto percentual na taxa básica da economia, de 14% para 13,50% ao ano. Entretanto, após a confirmação de que o magnata norte-americano foi vencedor no pleito nos EUA, o mercado passou a prever uma redução menor, de 0,25 ponto percentual - para 13,75% ao ano.

As expectativas foram coletadas pelo Banco Central na semana passada e divulgadas nesta segunda-feira (14), por meio do relatório de mercado, também conhecido como Focus. Mais de 100 instituições financeiras foram ouvidas.

 

 

G1

Matérias Relacionadas

Saúde

Governo Sanciona Lei que Incentiva Diagnóstico Tardio do Autista em Adultos e Idosos em SC

Projeto de Lei é de autoria do deputado estadual Vicente Caropreso
Governo Sanciona Lei que Incentiva Diagnóstico Tardio do Autista em Adultos e Idosos em SC
Segurança

Brasil registrou um estupro a cada seis minutos em 2023

76% dos casos correspondem ao crime de estupro de vulnerável, com vítimas menores de 14 anos
Brasil registrou um estupro a cada seis minutos em 2023
Esportes

No Rio Grande do Sul, Jaraguá Futsal encara o Atlântico pela Liga Nacional

As duas equipes vivem grande momento e fazem um confronto direto pelas primeiras posições
No Rio Grande do Sul, Jaraguá Futsal encara o Atlântico pela Liga Nacional
Economia

Servidores públicos de SC recebem a antecipação de metade do 13º salário

Conforme a Secretaria de Estado da Fazenda o valor coloca R$ 648 milhões extras na economia catarinense
Servidores públicos de SC recebem a antecipação de metade do 13º salário
Ver mais de Brasil