Delivery Much
Brasil

Madeira plástica brasileira recicla garrafas pet e evita desmatamento

Invenção já é bastante utilizada nos países da América do Norte, na Europa e no Japão

05 Mai 2019 - 06h00Por Só Notícia Boa
Madeira plástica brasileira recicla garrafas pet e evita desmatamento - Crédito: Reprodução / Momento Ambiental Crédito: Reprodução / Momento Ambiental

Você já ouviu falar na madeira plástica? É um produto que tem jeito de madeira, cor de madeira, ranhuras de madeira, mas não tem relação com o desmatamento de florestas. Ela usa uma técnica de reciclagem que retira do meio ambiente garrafas pet e papelão, e dá a eles um destino sustentável: transforma em um novo produto, bem parecido com a madeira. 

“É uma invenção bastante utilizada nos países da América do Norte, na Europa e no Japão. E é bastante interessante porque você está reciclando o plástico do pós-consumo e você também pode utilizar resíduos do processamento de madeira, a farinha de madeira”, diz Cláudio Henrique Del Menezzi, professor de Engenharia Florestal da UnB.

Mas a madeira plástica brasileira é diferente, de acordo com o empreendedor socioambiental Charles Alimandro, de Brasília. “A nossa é 100% plástico. Ela leva componentes SUV anti-chama e é pigmentada. O processo do Brasil é considerado o mais sustentável do planeta”, diz.

“A gente trabalha com resíduo que nem o catador quer. Não é o pet. É o resíduo de plástico industrial, o rejeito da indústria que vai direto pra gente e a gente certifica que ela não jogou no aterro sanitário”, conta Charles.

Vantagens
E a madeira plástica produzida no Brasil tem várias vantagens: não atrai cupim, nem fungos, não retém umidade, dura mais que a madeira comum e pode ser usada para fazer quase tudo que atualmente é produzido com a madeira.

Ela pode substituir a madeira comum na hora de fazer “pergolado, banco, lixeira, deck, porta, portão, fachada, muro…”, conta o empresário José Antonio dos Anjos. E o melhor, tudo isso sem provocar danos ao meio ambiente.

Preço
A madeira de plástico é mais cara que a comum, mas também dura mais, garante o empreendedor socioambiental Charles Alimandro, de Brasília. “Ela tá em torno de 10 % mais cara no caso de deck. Já pergolado ela é mais barata”, conta.

Charles explica que o custo se repõe rapidamente porque a madeira plástica não tem a manutenção cara como a madeira comum. “A manutenção de um deck de madeira comum é lixar e envernizar uma vez por ano. Em cinco anos você pagou outra obra”, alerta Charles.

Já a manutenção da madeira plástica exige apenas passar um líquido parecido com o “pneu pretinho”, usado em carros. Só isso.

Fonte: Só Notícia Boa


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Manaus vai transferir 235 pacientes com covid-19 para 7 estados e DF

Primeiro grupo foi transferido na manhã de hoje para Teresina
Manaus vai transferir 235 pacientes com covid-19 para 7 estados e DF
Economia

Santa Catarina registra crescimento de 11,1%, o segundo maior do país

O Estado apresentou resultado positivo em quatro indicadores da indústria no acumulado de 2020
Santa Catarina registra crescimento de 11,1%, o segundo maior do país
Esportes

Final da Libertadores faz CBF mudar jogos de Palmeiras e Santos

Equipes atuariam no Brasileiro um dia após final continental
Saúde

Pazuello diz que pasta vai priorizar entrega de oxigênio em Manaus

Segundo ministro, cidade vive novo colapso por causa da pandemia
Pazuello diz que pasta vai priorizar entrega de oxigênio em Manaus
Ver mais de Brasil