GNet
lei sancionada

Lei que cria programa de combate ao bullying é sancionada

11 Nov 2015 - 18h30

O objetivo é fundamentar ações do Ministério da Educação e das secretarias estaduais e municipais de ensino para que as escolas, clubes e agremiações recreativas desenvolvam medidas de conscientização, prevenção e combate ao bullying. A lei afirma que a punição aos agressores deve ser evitada, sempre que possível, priorizando mecanismos e instrumentos alternativos que promovam a efetiva responsabilização e a mudança de comportamento hostil.


Entre os objetivos do programa está à capacitação de docentes e equipes pedagógicas para a implementação das ações de discussão, prevenção, orientação e solução do problema. O texto caracteriza o bullying como todo ato de violência física ou psicológica, intencional e repetitivo, que ocorre sem motivação evidente, praticado por indivíduo ou grupo, contra uma ou mais pessoas, com o objetivo de intimidá-la ou agredi-la, causando dor e angústia à vítima. A lei entra em vigor em 90 dias.

Fonte: Agência do Rádio

GNet

Matérias Relacionadas

Saúde

Liberado certificado para quem tomou vacinas diferentes

A emissão poderá ser realizada por meio do aplicativo ConecteSUS
Liberado certificado para quem tomou vacinas diferentes
Economia

Dólar cai e bolsa reduz perdas após discurso do ministro da Economia

Apesar de alívio, Ibovespa teve pior semana desde início da pandemia
Dólar cai e bolsa reduz perdas após discurso do ministro da Economia
Segurança

Buscas em Brumadinho completam mil dias

Mar de lama da Vale causou 270 mortes e culpados ainda não foram punidos.
Buscas em Brumadinho completam mil dias
Jaraguá do Sul

Cobra albina capturada em Jaraguá do Sul será enviada para o Butantan em SP

Alguns detalhes referentes a documentação estão sendo providenciados e a cobra deve ser encaminhada de avião para o instituto.
Cobra albina capturada em Jaraguá do Sul será enviada para o Butantan em SP
Ver mais de Brasil