Covid - 19
Petrobrás

Justiça manda devolver R$ 145 milhões à Petrobras

30 Set 2016 - 11h04
A Justiça Federal determinou ontem (29) a devolução de R$ 145,6 milhões à Petrobras, referentes a valores repatriados ao Brasil de contas na Suíça controladas por Julio Faerman, ex-representante da empresa holandesa SBM Offshore no Brasil. A informação foi divulgada pela estatal em sua página na internet.

Segundo a Petrobras, Faerman fechou acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal no Rio de Janeiro e é acusado de operar propinas em contratos da estatal desde 1997. Os R$ 145,6 milhões equivalem a 80% do total repatriado.

Ainda de acordo com a nota, o juiz Vitor Barbosa Valpuesta, da 3ª Vara Federal Criminal, atestou a condição de vítima da companhia e afirmou que Faerman reconhece que o dinheiro foi obtido por meio de atividades criminosas.

“As investigações começaram antes da Operação Lava Jato e somos assistentes de acusação no processo. Segundo a denúncia, entre 1997 e 2012 houve desvios em contratos de aluguel de navios-plataforma. A decisão deve ser publicada no Diário Oficial nos próximos dias. Além do montante anunciado nesta quinta-feira, já recuperamos, por vias judiciais, R$ 309 milhões desviados nos casos de corrupção”, informou a Petrobras.

 

As informações são da

Agência Brasil

Matérias Relacionadas

Geral

Reabertura das agências do INSS é adiada para dia 3 de agosto

Medida foi publicada hoje no Diário Oficial da União
Reabertura das agências do INSS é adiada para dia 3 de agosto
Política

Presidente Jair Bolsonaro testa positivo para covid-19

Resultado do exame realizado ontem saiu nesta terça-feira
Presidente Jair Bolsonaro testa positivo para covid-19
Economia

Nascidos em fevereiro podem sacar auxílio emergencial do 3º lote

Recursos são transferidos automaticamente para as contas indicadas
Nascidos em fevereiro podem sacar auxílio emergencial do 3º lote
Futebol

Fluminense será o mandante da partida final da Taça Rio

Campeão estadual pode ser conhecido nesta quarta feira, 8
Fluminense será o mandante da partida final da Taça Rio
Ver mais de Brasil