Caraguá
IPCA

IPCA acelera em outubro

09 Nov 2016 - 12h19
O preço dos combustíveis subiu em outubro e pressionou o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país. A taxa voltou a ganhar força e ficou em 0,26% em outubro, depois de chegar a 0,08%, em setembro.

Apesar da aceleração, o índice de outubro é o menor índice para o mês desde 2000, quando chegou a 0,14%. Os números foram divulgados nesta terça-feira (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

Em outubro, na análise dos grupos de gastos, o que mais puxou o aumento geral de preços foi o de transportes. Em setembro, o grupo havia registrado queda de preços de 0,10% e, no mês seguinte, teve forte aumento de 0,75%.

O preço do litro do etanol subiu 6,09% e acabou puxando o da gasolina, que ficou 1,22% mais cara, contrariando a redução no valor do combustível autorizado pela Petrobras. As passagens aéreas também passaram a custar mais, registrando alta acima de 10%.

Também pressionaram os alimentos e bebidas (de -0,29% para 0,05%), sob influência do leite longa vida (-10,68%), e os artigos de residência (de -0,23% para -0,13%). Os dois continuam mostrando deflação de preços, mas em ritmo menor.

Outros tipos de gastos também tiveram alta menor de preços: os relativos a despesas pessoais (de 0,10% para 0,01%); a educação (de 0,18% para 0,02%) e a comunicação (de 0,18% para 0,07%).

 

G1

Matérias Relacionadas

Saúde

Conselhos de secretários de Saúde defendem vacinação de adolescentes

Sociedade Brasileira de Imunizações também defende vacinação
Conselhos de secretários de Saúde defendem vacinação de adolescentes
Economia

Caixa reduz juros do crédito habitacional na modalidade poupança

Banco reduziu parte fixa da parcela de 3,35% para 2,95% ao ano
Caixa reduz juros do crédito habitacional na modalidade poupança
Saúde

Anvisa não recomenda mudar orientação sobre vacinação de adolescentes

Ministério da Saúde suspendeu orientação para a vacinação
Anvisa não recomenda mudar orientação sobre vacinação de adolescentes
Saúde

Covid-19: ministro destaca eventos adversos em adolescentes vacinados

Queiroga explica revisão de recomendação sobre vacinas de covid-19
Covid-19: ministro destaca eventos adversos em adolescentes vacinados
Ver mais de Brasil