GNet
Governo

Governo do RS anuncia redução de secretarias e extinção de fundações

22 Nov 2016 - 10h11
Entre as mudanças propostas está a extinção de nove fundações, uma companhia e uma autarquia ligados ao Executivo. Os funcionários desses órgãos serão demitidos mediante indenização e recebimento de direitos trabalhistas.

Outra medida proposta por Sartori é a redução de secretarias de governo, de 20 para 16. Das pastas que existem atualmente, 14 serão mantidas; as seis restantes serão fundidas e reduzidas a três secretarias.

O governo gaúcho afirma que o pacote vai proporcionar uma economia de mais de R$ 146 milhões aos cofres do estado. Segundo números apresentados pelo Executivo, o Rio Grande do Sul vai fechar o ano de 2016 com um déficit de mais de R$ 2 bilhões. As informações são da Agência Brasil
GNet

Matérias Relacionadas

Economia

SC demanda R$ 18,5 bilhões até 2025 para obras de infraestrutura de transportes

O presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar, disse que Santa Catarina precisa de um planejamento integrado e sistêmico da macrologística para o curto, médio e longo prazos
SC demanda R$ 18,5 bilhões até 2025 para obras de infraestrutura de transportes
Economia

Multinacional catarinense, Bold encerra 2021 com abertura de novas filiais

Como resultado de ações estratégicas, a empresa registra um crescimento próximo aos 40%, em 2021
Multinacional catarinense, Bold encerra 2021 com abertura de novas filiais
Política

Barroso pede manifestação do governo sobre passaporte da vacina

Ação quer tornar obrigatória adoção de recomendações da Anvisa
Barroso pede manifestação do governo sobre passaporte da vacina
Economia

Após fala de Bolsonaro, Petrobras afirma que não há decisão sobre ajustes nos preços de combustíveis

Petrobras publicou uma nota nesta segunda-feira (6)
Após fala de Bolsonaro, Petrobras afirma que não há decisão sobre ajustes nos preços de combustíveis
Ver mais de Brasil