Imobiliária Coralli
Futsal

Futsal RS: A ACBF confirma os últimos dois reforços para 2017

14 Dez 2016 - 14h10
Após anunciar seis nomes na semana passada, a diretoria confirmou a contratação dos últimos dois atletas. O pivô Deives, do Corinthians, e o ala Mithyuê, do Magnus, vestirão a camisa laranja a partir do próximo ano.

 

Ambos os jogadores se destacaram nos seus respectivos clubes em 2016 e se enfrentaram na grande final da Liga Nacional de Futsal. Deives acabou de conquistar o título da LNF como capitão do Corinthians. O jogador ainda foi eleito o craque da competição e com dois gols na grande final, terminou o campeonato na artilharia com 20 gols marcados.

 

O atleta gaúcho de São Leopoldo revela que, além de sua realização profissional, está dando um presente para o seu pai, que sonhava em ver o filho jogando com a camisa da ACBF. “Sempre tive o sonho de jogar na ACBF. Sou gaúcho e conheço bem o clube. É um sonho do meu pai também, que sempre quis me ver vestindo essa camisa, mas até então não tive a oportunidade. Aceitei por esse sonho e pela proximidade da família. A expectativa é de conquistar muitos títulos”, disse o atleta.

 

Adversário de Deives na decisão da LNF, o catarinense Mithyuê foi um dos destaques do Magnus, marcando 4 gols na Liga Nacional. O atleta tem 28 anos e tem bastante experiência atuando, inclusive, em grandes times do futebol brasileiro como Grêmio, Atlético-PR e Juventude. Quando retornou às quadras, passou pelo Joinville antes de se transferir para o Magnus, onde conquistou o Mundial em cima da própria ACBF, no Catar, em agosto.

 

O jogador não esconde a felicidade pela oportunidade de defender o time de Carlos Barbosa. “Estou muito feliz mesmo. Quem convive comigo, família e amigos, sabe que eu sempre tive o sonho de jogar um dia na ACBF. Até pela tradição e pelo histórico de conquistas do clube, além de amar o Rio Grande do Sul. Se eu tivesse que escolher um time no futsal, esse time seria a ACBF. Então, quando chegou o convite, não pensei duas vezes e aceitei logo”, comentou Mithyuê.

 

Com estes dois nomes, a ACBF fecha o elenco com 17 jogadores para a próxima temporada. Na semana passada, a diretoria anunciou as contratações dos goleiros Henrique e Léo Oliveira, os fixos, Bruno Souza e Alemão, o ala Henrique Di Maria e o pivô Rafinha. Além dos reforços, o Clube também efetivou na equipe adulta o ala Júlio Zanotto e o fixo João, que estavam no Sub-20. O ala Beto, que ainda faz parte da equipe Juvenil, também irá compor a equipe principal.

 

Do elenco da ACBF de 2016, permanecem sete jogadores: o fixo Marlon, os alas Felipe Valério, Júlio Zanotto, Diece e Kevin, além dos pivôs Rafa e Dener.

 

O grupo se apresenta no dia 19 de janeiro para a pré-temporada em Carlos Barbosa.

 

Reforços para 2017

 

Apelido: Deives

Nome completo: Deives Morais

Posição: pivô

Data de Nascimento: 28/01/1985

Naturalidade: São Leopoldo-RS

Últimos Clubes: Santos, Intelli, Joinville e Corinthians

 

Apelido: Mithyuê

Nome completo: Mithyuê de Linhares

Posição: ala

Data de Nascimento: 16/10/1989

Naturalidade: Chapecó-SC

Últimos Clubes: No futebol: Grêmio, Atlético-PR e Juventude; no futsal: Joinville e Magnus
Fonte: Ulisses Castro - Assessoria de Comunicação - ACBF, via futsal de primeira.

Matérias Relacionadas

Esportes

Jaraguá e Tubarão empatam no clássico catarinense

Empate mantém a equipe do Tubarão na liderança do Grupo C, enquanto o Jaraguá sobe para o quinto lugar.
Jaraguá e Tubarão empatam no clássico catarinense
Educação

Correios e MEC preparam a entrega de 197 milhões de livros didáticos

Serão entregues 197 milhões de livros em municípios de todo o país
Correios e MEC preparam a entrega de 197 milhões de livros didáticos
Geral

Huawei avança em energia solar no Brasil e mira em baterias

A empresa é alvo de polêmicas relacionadas à tecnologia 5G
Huawei avança em energia solar no Brasil e mira em baterias
Economia

IBGE: número de desempregados chega a 13,5 milhões em setembro

Aumento foi de 4,3% no mês e de 33,1% desde maio, mostra pesquisa
IBGE: número de desempregados chega a 13,5 milhões em setembro
Ver mais de Brasil