Caraguá
Petrobrás

Ex-gerente da Petrobras confessa propina recebida

28 Nov 2016 - 11h27
Em depoimento espontâneo à Operação Lava-Jato, o engenheiro Glauco Legatti, funcionário aposentado da Petrobras, confessou ter recebido propina do operador Shinko Nakandakari, um dos delatores do esquema de corrupção na estatal. Legatti, que atuou como gerente-geral da Refinaria do Nordeste, em Abreu e Lima (PE), entre 2008 e 2014, declarou que Shinko deu a ele caixas de uísque recheadas de dinheiro vivo.

Em audiência em junho de 2015, frente ao juiz federal Sérgio Moro, o engenheiro havia negado o recebimento de R$ 400 mil, em propina, de Nakandakari - este havia declarado, em sua delação, que pagou os R$ 400 mil a Legatti, parceladamente, "a pedido da Galvão Engenharia".

Na ocasião, Legatti depôs como testemunha em ação contra executivos da Galvão Engenharia, uma das empreiteiras acusadas de fazer parte do cartel que se apossou de contratos bilionários da Petrobras. As informações são do jornal  Estado de Minas.

Matérias Relacionadas

Geral

Gustavo Bardim é campeão do The Voice Kids

Com apenas 11 anos, desde o início do programa, Gustavo impressionou os técnicos e o público com seu talento, dedicação e jeito meigo. 
Gustavo Bardim é campeão do The Voice Kids
Saúde

Covi-19: Ministro anuncia dose de reforço para profissionais de saúde

Aplicação extra ocorrerá a partir de seis meses da imunização completa
Covi-19: Ministro anuncia dose de reforço para profissionais de saúde
Geral

Gustavo Bardim participa da final do The Voice Kids neste domingo

Cantor guaramirense precisa do apoio da população, já que, o grande vencedor do reality show será decidido pelo público, através de votação pelo site GShow
Gustavo Bardim participa da final do The Voice Kids neste domingo
Esportes

CBF divulga tabela detalhada das semifinais da Copa do Brasil

Partidas de ida serão no dia 20 de outubro e volta ocorre no dia 27
Ver mais de Brasil